Home / Notícias / CNM participa da Assembleia do Consórcio de Organização Latino-americana de Cidades Fronteiriças no Equador

Notícias

Friday, 02 de December de 2016

CNM participa da Assembleia do Consórcio de Organização Latino-americana de Cidades Fronteiriças no Equador

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) esteve presente na Assembleia de Constituição da Organização Latino-americana de Cidades Fronteiriças (Olacif), realizada no dia 30 de novembro. O encontro ocorreu em Tulcán, no Equador, e teve como principal proposta impulsionar a cooperação horizontal entre Municípios, universidades, institutos de investigação, e outras organizações para o fortalecimento dos governos fronteiriços locais.

Durante a solenidade, o professor investigador do Departamento de Estudos Políticos da FLASCO-Equador, Fernando Carrión, relembrou que a entidade deu o pontapé inicial em um estudo sobre a região de fronteira. Como os estudiosos notaram, as fronteiras vão além dos países diretamente ligados, movimentando-se de maneira global.

Carrión também pontuou que os Municípios são o melhor espaço para avançar nas questões fronteiriças, já que são neles onde a vida cotidiana se desenvolve. Assim, a proposta de constituição da Olacif, construída com base numa rede de colaboração entre universidades, Municípios e organismos internacionais, apresenta-se como um mecanismo importante para integração nesses espaços.

Em outro momento, houve a leitura da ata de constituição da entidade, assinada por um grupo de prefeitos de países latino-americanos. Entre eles, Julio Robles (Município de Tulcán-Equador), Ricardo Romero (Município de Ipiales-Colômbia), Fábio López (Município de San Matías-Bolívia), John Chérrez (Município de Arenilla-Equador), Vinício Veja (Município de Lago Agrio-Equador) e Roberto Viñal (Município de Macara-Equador). Também esteve na pauta a eleição do presidente da Olacif e os membros do conselho diretivo.

Convite institucional

Quem representou a Confederação foi a consultora da entidade, Joanni Henrichs, que parabenizou a iniciativa e falou da importância de discutir ações para aprimorar as regiões de fronteira. Como explicou Henrichs, esses encontros são importantes não apenas para o desenvolvimento de cada país, mas também para o desenvolvimento de todo o bloco América Latina e Caribe.

A consultora disse que a CNM está aberta a atuar como parceira estratégica da Olacif e também fez um convite. Ela chamou os representantes da entidade internacional para que venham ao Brasil durante a Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios. O maior evento municipalista da América Latina já tem data marcada: será entre os dias 15 e 17 de maio de 2017.