Home / Notícias / Confederação visita embaixadas do Chile, México e Uruguai para estreitar articulação política

Notícias

10/03/2017

Compartilhe está notícia:

Confederação visita embaixadas do Chile, México e Uruguai para estreitar articulação política

Entre os dias 7 e 10 de março, a diretoria da Confederação Nacional de Municípios (CNM) participou de uma rodada de visitas às embaixadas do Chile, México e Uruguai. Representada pelo seu secretário geral, Eduardo Tabosa, a entidade buscava fortalecer o diálogo com os países latino-americanos, além de fazer o convite para XX Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios.

A primeira reunião ocorreu na embaixada México, onde a pauta esteve centrada nas questões enfrentadas pelos Municípios. Tabosa pontuou que a falta de água, por exemplo, é uma realidade de centenas de Municípios brasileiros e apresentou os desafios enfrentados pela gestão local para lidar com a falta do recurso hídrico. Falou ainda, a respeito da preparação da Federação Latino-Americana de Cidades, Municípios e Associações (Flacma) para o congresso que será realizado no México, em julho deste ano.

Na Embaixada do Uruguai, o secretário apresentou o projeto entre a CNM e o Congresso de Intendentes para apoiar a cooperação nas áreas de fronteira entre o Uruguai e o Brasil. Segundo ele, a diferença entre legislações nacionais tem gerado dificuldades para o cotidiano dos Municípios dessas áreas.

A ministra conselheira do Uruguai, Natalia Pallas, concordou com a observação de Tabosa. Ela explicou que a emissão de certidão de nascimento de uma criança cujos pais são uruguaios e brasileiros é complicado. Ambos os países adotam maneiras diferentes de registrar os nomes das crianças, pontuou Pallas.

Fortalecimento municipal

O secretário da entidade também foi recebido pelo embaixador do Chile no Brasil, Jaime Mujica. No encontro, ele apresentou o trabalho desenvolvido pela Confederação junto aos Municípios brasileiros, ao Congresso Nacional e ao governo.

Em todas as reuniões, Tabosa destacou a necessidade de fortalecer os Entes locais. Falou sobre a Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios, maior evento municipalista da América Latina e Caribe e fez o convite ao evento.

Para a CNM, essa ação junto às embaixadas é positiva em dois aspectos. Além de fomentar a cooperação entre Municípios brasileiros e latino-americanos, fortalece o movimento municipalista junto à Flacma. Desde 2015, a Confederação tem tido um papel de destaque como articuladora na região, liderando o secretariado da entidade latino-americana.

Sobre a Marcha

Neste ano, o evento contará com a presença de diversas delegações latino-americanas. A programação reúne um conjunto de atividades como o Congresso Internacional Municipalista, o Bureau Executivo da Flacma, além de espaços para intercâmbio de informações e experiência entre prefeitos e líderes de associações de Municípios da América Latina.

Acesse o site e faça a sua inscrição


Notícias relacionadas