Home / Notícias / Tecnologia disponibiliza água potável para comunidade quilombola no Tocantins

Notícias

Tuesday, 13 de December de 2016

Tecnologia disponibiliza água potável para comunidade quilombola no Tocantins

Uma comunidade quilombola, localizada na cidade de Brejinho de Nazaré (TO), foi beneficiada com um projeto para tratamento de água. Chamada de Solução Alternativa Coletiva Simplificada de Tratamento de Água para Consumo Humano (Salta-z), a tecnologia promete realizar o tratamento do recurso a baixo custo.

O projeto consiste em um sistema de coleta de água do rio, conduzida por meio de canos até um reservatório elevado. Nesse local ocorre o processo de floculação para concentrar as impurezas primárias da água e viabilizar o respectivo descarte.

Um percentual de cloro é inserido na água captada que, antes de ser consumida, passa por um processo de filtração de excelência, feito por minerais com estrutura porosa, denominados zeólitos. Ao final, a água potável é canalizada para as torneiras presentes no sistema, pronta para o consumo humano.

Como explica a Fundação Nacional de Saúde (Funasa), a tecnologia Salta-z é compatível com os padrões de potabilidade estabelecidos pela Portaria 2.914/2011, do Ministério da Saúde. Por meio dela, os moradores da zona rural também podem ter acesso à água potável, atendendo o Plano Nacional de Saneamento Básico (Plansab), à Lei 11.445/2007 e a prerrogativa de universalização dos serviços de saneamento básico.