Home / Notícias / Malha viária brasileira não acompanha crescimento da frota de veículos, afirma CNT

Notícias

30/05/2016

Compartilhe está notícia:

Malha viária brasileira não acompanha crescimento da frota de veículos, afirma CNT

Foi divulgado nesta segunda-feira, 30 de maio, os resultados do primeiro Anuário da Confederação Nacional do Transporte (CNT). O documento sinaliza que o total de rodovias pavimentadas no país cresceu 23,2% nos últimos 15 anos, passando de 170,9 mil quilômetros com pavimento em 2001 para 210,6 mil quilômetros em 2015. Por outro lado, a frota de veículos disparou quase 185% em igual período.

“O crescimento (de rodovias pavimentadas) foi somente de 39,7 mil km, para um tipo de transporte que corresponde a mais de 60% das movimentações de carga e a mais de 90% dos deslocamentos de passageiros. O investimento em infraestrutura foi baixo”, destaca o relatório.

Segundo o levantamento da CNT, a malha rodoviária do Brasil somava 1,72 milhões de quilômetros em 2015. Desse total, 1,352 milhões de quilômetros eram de vias não pavimentadas (78,6%), 157,5 mil quilômetros eram de malha planejada (9,2%) e 210,6 mil quilômetros eram de malha pavimentada (12,2%).

Entre os Estados com maior malha pavimentada ano passado estão: Minas Gerais, São Paulo, Paraná, Bahia e Goiás. Já aqueles que possuem menor malha pavimentada são Amazonas, Acre, Roraima, Distrito Federal e Amapá.

Frota de veículos

O relatório aponta, ainda, que a frota de veículos do Brasil passou de 31,913 milhões em 2001 para 90,686 milhões em 2015, uma alta de 184,2%. No período em questão, a frota de motocicletas cresceu 402,2%, enquanto o número de automóveis aumentou 134,6%. O total de ônibus aumentou 115,5% e a frota de caminhões cresceu 81,7%.

Da Agência CNM, com informações da Agência Estado

 


Notícias relacionadas