Home / Comunicação / Acessos a biblioteca online da CNM somam mais de 24,8 mil, em abril

Notícias

04/05/2018

Compartilhe esta notícia:

Acessos a biblioteca online da CNM somam mais de 24,8 mil, em abril

Acessos a biblioteca online da Confederação Nacional de Municípios (CNM) registraram aumento de março para abril. De acordo com o último levantamento da entidade, foram mais de 24,8 mil downloads no mês passado, o que representa a tendência mundial de consumo a conteúdo em plataformas digitais também na rotina dos gestores municipais. Desta vez, as previsões de repasses do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) foram campeãs de acesso.

Dentre as dez publicações produzidas e divulgadas pela Confederação em abril, as estimativas do primeiro e do segundo decêndio do FPM são as duas primeiras colocadas no ranking das dez mais baixadas do mês, com mais de mil downloads. A terceira publicação com maior quantidade de acesso foi a publicação Recursos financeiros no Sistema Único de Saúde (SUS), de 2014. Seguido da previsão do terceiro descendo do FPM de março e abril, baixados 846 e 719 vezes, respectivamente.

A Nota Técnica 12/2018, que esclarece sobre o duodécimo da Câmara em relação ao 1% do FPM de julho e de dezembro, foi o sexto conteúdo técnico da entidade mais acessado em abril. Na sétima posição, o livro A nova Contabilidade Pública Municipal de 2012 teve mais de 500 downloads. Fechando a lista das dez, os livros A importância do Serviço de Inspeção Municipal (SIM) na Gestão Pública Agricultura e Pecuária e Serviços Socioassistenciais e gestão do PBF e Suas, que trata do Programa Bolsa Família e do Sistema Único de Assistência Social, foram baixados mais de 400 vezes cada um.

Ag. BrasilUniversalização 
Para a CNM, a cultura de acesso a publicações disponíveis na internet deve ser disseminada entre os gestores municipais para universalizar informações importantes à administração municipal, além de disponibilizar soluções de forma fácil e ágil. Nesse entendimento, a entidade municipalista tem fortalecido a Biblioteca CNM em seu site, com diversidade de conteúdo técnico e com atualizações semanais.

“Há tempo reconhecemos a importância do uso da internet e suas ferramentas na administração pública. O aumento do uso da tecnologia da informação em todas as esferas administrativas é inevitável e por isso estamos investindo nesse novo formato de material e estamos disponibilizando gratuitamente”, destaca o presidente da Confederação, Paulo Ziulkoski. Ele reforça que, além de ser bastante eficiente, a biblioteca online é uma estratégia ambientalmente sustentável e uma forma de gerar economia. 

Leia também: Biblioteca virtual da CNM registrou mais 42,2 mil downloads em março


Notícias relacionadas