Home / Comunicação / CNM participa do lançamento da Frente Parlamentar Brasil-China na Câmara dos Deputados

Notícias

29/03/2017

Compartilhe esta notícia:

CNM participa do lançamento da Frente Parlamentar Brasil-China na Câmara dos Deputados

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) participou de cerimônia de lançamento da Frente Parlamentar Brasil-China, realizada nesta quarta-feira, 29 de março, na Câmara dos Deputados. A frente reúne mais de 200 entre deputados e senadores. Presidida pelo deputado Fausto Pinato (PP-SP), o parlamentar defendeu a formação do colegiado para que o Brasil aprenda com a China sobre importância da inovação e coletividade.

Já o embaixador do Brasil na China, Li Jinzhang, considerou a frente parlamentar um instrumento importante para a cooperação entre os dois países, que têm avançado e amadurecido nos últimos anos. Informou ainda que a relação comercial movimenta 67 bilhões de dólares por ano, sendo a China o principal parceiro comercial do Brasil atualmente, e o Brasil, o principal parceiro chinês na América Latina. Ele também previu aumento do turismo de chineses no país, devido à visibilidade gerada pelas Olimpíadas realizadas no ano passado.

Além disso, o embaixador ressaltou campos para a cooperação. Segundo ele, o primeiro eixo é a cooperação estratégia para fortalecer o desenvolvimento, devido à complementaridade econômica e o grande mercado consumidor chinês. O segundo é elevar o nível de cooperação de investimento industrial, como a promoção do Fundo de Cooperação China-Brasil. Nesse sentido, afirmou desejar que mais empresas chinesas participem de projetos no Brasil. Em terceiro lugar, comentou sobre a importância de fortalecer a comunicação entre os dois países. Por fim, o quarto ponto elencado foi aprimorar reformas a favor de uma economia mais estável, com apoio do Banco do BRICS, instituição financeira do bloco econômico formado entre Brasil, Rússia, China e África do Sul.

Para o deputado André Moura (PSC-SE), espera que essa frente contribua para aumentar o nível de investimento da China no Brasil, com destaque para obras de infraestrutura. Durante o evento, foi informado que os governos das cidades chinesas receberam delegação do Brasil e mostraram o que pode ser feito em território brasileiro.

Discutiu-se ainda cidades inteligentes, já que a China tem investido nesse campo. Foi informado que a China investiu em Campinas mais de 100 milhões de dólares por meio de indústria de energia limpa, que gerou mais de 3 mil empregos.

Posição CNM
Na análise da Confederação Nacional de Municípios (CNM), o lançamento dessa frente demonstra uma abertura maior aos investimentos de empresas chinesas no Brasil.

Dessa forma, a área internacional da CNM recomenda aos gestores municipais a ficarem atentos a oportunidades de cooperação comercial com a China, em especial na área de implementação de obras de infraestrutura.


Notícias relacionadas