Home / Comunicação / Reportagem especial mostra dificuldades vividas por população ribeirinha em decorrência das cheias

Notícias

30/06/2017

Compartilhe esta notícia:

Reportagem especial mostra dificuldades vividas por população ribeirinha em decorrência das cheias

Intitulada Vidas inundadas: sofrimento com cheias sucessivas é parte de história de ribeirinhos em Pernambuco, reportagem especial da Agência Brasil mostra o drama vivido por Municípios atingidos pela cheia de rios da zona da mata sul do Estado. O texto aponta que o problema vem se repetindo ao longo dos anos.

A reportagem traz um panorama sobre os prejuízos decorrentes das cheias e as dificuldades que as famílias enfrentam para conseguir contornar a situação. “São vidas encharcadas pelas sucessivas enchentes que levaram tudo – móveis, lembranças, animais, moradias e até mesmo a esperança de um futuro seguro”, aponta.

Como exemplo, o texto fala do Município de Catende, que fica a cerca de 130 quilômetros de Recife. À beira do Rio Panelas, as casas que ficavam nas proximidades da água não existem mais. Restam, agora, os destroços causados pela cheia. Em 2010, uma inundação causou grandes estragos e deixou mais de 80 mil desabrigados e desalojados em Pernambuco e mais de 100 mil em Alagoas.

À reportagem, o presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Patriota, alertou sobre os problemas e destacou que a principal dificuldade se refere às fontes de custeio. “Quem paga a conta? O município, da forma como está hoje, não têm condições de pagar. Mas é necessário, é importante. É realmente papel do município fazer o reordenamento, mas é preciso que o Estado e a União, num regime de colaboração, cheguem nessa hora para garantir o investimento”, disse.

Veja aqui a matéria completa.

Agência CNM, com informações da Agência Brasil


Notícias relacionadas