Home / Comunicação / Visita de gestores à sede da CNM movimenta manhã de trabalho na entidade

Notícias

02/05/2018

Compartilhe esta notícia:

Visita de gestores à sede da CNM movimenta manhã de trabalho na entidade

Cada vez mais a casa do municipalismo brasileiro, a sede da Confederação Nacional de Municípios (CNM), é procurada por gestores municipais para sanar dúvidas acerca da administração pública municipal. A manhã desta quarta-feira, 2 de maio, foi movimentada, com a visita de prefeito e secretários municipais que, em busca de orientações, marcaram presença em Brasília.

Gilbués (PI)
Representando a região do extremo sul dos Municípios do Estado do Piauí, o prefeito de Gilbués (PI), Leonardo Matos, visitou a CNM em busca de orientações sobre como reativar a associação de representação microrregional. “Eu sempre enxerguei a CNM como uma parceira dos Municípios. É aqui que a gente consegue direcionar as nossas ideias para que elas cheguem até as autoridades de nível nacional”, destaca.

De acordo com o prefeito, a região é composta por 23 Municípios, que abrigam mais de 200 mil pessoas, e é ligada a grandes produções de grãos como milho e soja, inclusive, com safra recorde este ano.

“A gente vem para mostrar um Piauí diferente, que não está à mercê dos benefícios sociais apresentados pelo governo federal. O que falta é investimento e criatividade, e a CNM pode ser esse apoio. Ela é a nossa porta de entrada ao fortalecer o acesso aos ministérios, no intuito de levar investimentos para a nossa região”, defende Matos.

Araucária (PR)
Três representantes do Município de Araucária (PR) estão em Brasília para uma série de agendas com a CNM. A primeira delas foi com consultores da entidade para tratar da implantação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) na cidade.

“Estamos com uma minuta de decreto para publicar no Município e viemos trocar informações com a CNM para encontrar a melhor forma de implantarmos os ODS. Conhecemos a ferramenta Mandala, disponível no Portal da CNM, que vai nos ajudar a estabelecer as metas dos ODS. A ajuda que recebemos da assessoria técnica foi fantástica”, detalha o procurador-geral do Município, Simon Quadros.

O secretário de Governo, Genildo Carvalho, e o de Planejamento, Samuel Almeida, também acompanharam a visita. E, nesta quinta-feira, 03 de maio, eles participam de uma agenda conjunta com a CNM, Sebrae e o Ministério de Ciência e Tecnologia para tratar do desenvolvimento e homologação da ferramenta Urbem, um software que pode trazer uma nova realidade de eficiência e boa gestão aos governos locais.

“Araucária é um Município homologador dessa ferramenta. É um projeto ousado para o país e a CNM é protagonista dessa situação. Acreditamos que a CNM, além de ser uma grande articuladora de políticas nacionais para os Municípios, também vai conseguir dar uma ferramenta capaz de auxiliar o dia a dia da administração pública nos Entes”, acredita Carvalho.

Os representantes também falaram sobre a importância dos secretários Municipais estarem juntos à CNM. “Ela oferece várias áreas técnicas específicas que o secretário de cada área pode vir até aqui e conversar sobre toda a política daquela área com um consultor. Às vezes, o prefeito vem e trata de uma forma superficial. Já o secretário vem com um foco específico”, explica Carvalho.

“Entendemos que a participação e abertura que a CNM dá oportuniza os Municípios. E poucos aproveitam essa oportunidade. Desde que o nosso Município se filiou a CNM, nós já viemos mais de dez vezes à entidade porque ela realmente nos deu um norte em várias áreas da nossa administração”, assevera Carvalho.

XXI Marcha
Tanto Gilbués (PI) quanto Araucária (PR) terão representantes na XXI Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios.

“Sem dúvida estaremos apoiando e participando da XXI Marcha. É um movimento em que esperamos participação mais bem definida dos prefeitos. Não adianta só a gente sonhar, tem que colocar as ideias em prática. Acredito na Marcha e o Piauí vem em peso. Mais de 50% dos Municípios já confirmaram presença”, destacou o prefeito de Gilbués (PI), Leonardo Matos.


Notícias relacionadas