Home / Boas Práticas / Museu Formosa do Sul, em Santa Catarina, é exemplo com parcerias intermunicipais e projeto educativo

Boas Práticas

21/05/2019

Compartilhe esta notícia:

Museu Formosa do Sul, em Santa Catarina, é exemplo com parcerias intermunicipais e projeto educativo

Nesta semana, em razão do Dia Internacional dos Museus, em 18 de maio, a área técnica de Cultura da Confederação Nacional de Municípios (CNM) vem apresentando experiências inspiradoras de museus municipais. A divulgação tem como objetivo mostrar diversas possibilidades de atuação dos Municípios no campo da gestão pública de cultura.

Localizado na cidade catarinense que dá nome à instituição, o Museu Formosa do Sul, foi criado pela Lei Municipal 597/2013 para reunir, abrigar e preservar o patrimônio cultural, histórico e artístico da região e do Município. Além de auxiliar, estimular e divulgar a criação artística.

A sede do museu é uma típica casa colonial, construída nos anos de 1960, que, inclusive, já foi sede da prefeitura. A instituição, aberta ao público em 2016, se encontra vinculada ao Departamento de Cultura da Secretaria Municipal de Educação, Cultura, Esporte e Turismo de Formosa do Sul.

O museu possui duas salas de exposição. Uma delas abriga a exposição permanente Ser... tão Formosa, que aborda diversos assuntos, como saberes e fazeres da cultura popular local. A outra sala recebe exposições temporárias, entre as quais destacam-se a Tempo di Recordare: saberes, fazeres e expressões da cultura ítalo-brasileira no Oeste Catarinense e a Degustando Saberes: salvaguarda das formas e expressões dos alimentos e da culinária tradicional do Oeste Catarinense. Ambas originárias do Museu Histórico de Pinhalzinho, instituição museológica do Município catarinense de mesmo nome.

DivulgaçãoParcerias e projetos
A instituição reconhece a importância dos parceiros que conquistou ao longo da trajetória. Além do Museu Histórico de Pinhalzinho, o Centro de Memória do Oeste de Santa Catarina, da Universidade Comunitária da Região de Chapecó, também contribui em pesquisas e projetos. É ainda relevante o envolvimento de outras secretarias municipais da prefeitura, como a de Assistência Social, de Saúde, de Agricultura e de Meio Ambiente, que fortalecem a atuação da instituição.

O museu possui um setor educativo – previsto no plano museológico da instituição -, responsável pelo desenvolvimento, implementação e aprimoramento de um programa que promove rica experiência aos visitantes, em especial, alunos e professores de escolas municipais e da região.

“O museu realiza ações educativas e visitas guiadas, a fim de aproximar a comunidade da instituição e possibilitar a grupos e escolas da região a troca de conhecimentos e interação com as exposições e temáticas em abordagem no museu. A iniciativa visa fazer com que o museu seja mais do que um mero ‘repositório de objetos antigos’ e avance para um espaço dinâmico, promovendo o encontro e a reflexão entre diferentes manifestações culturais e gerações. Assim, a cada nova exposição, ações educativas realizadas de forma guiada são pensadas com o objetivo de repassar conhecimentos e instigar os visitantes a manter viva as memórias de seus antepassados”, afirma a Diretora do Departamento de Cultura, Fabieli Cella.

A área técnica de Cultura da CNM destaca o trabalho do Museu Formosa do Sul, que, ao promover a história local com uma abordagem educativa, incentiva a transmissão da cultura na comunidade, fortalecendo a relação dos formosenses com esse equipamento cultural público. Além disso, salienta-se a parceria que a instituição construiu com outro museu municipal, um exemplo aos demais Municípios brasileiros, que demonstra a importância da cooperação intermunicipal.

Quer conhecer o Museu Formosa do Sul? A instituição se encontra aberta à visitação nas segundas, quartas, quintas e sextas-feiras, das 7h30 às 11h30 e das 13h às 17h. A entrada é gratuita. Interessados podem agendar a visita, previamente.

Quer conhecer mais sobre o trabalho dessa instituição? Acesse o canal do Museu no Youtube.

ArteO Museu Formosa do Sul faz a sua parte, contribuindo para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) 4, 11, 16 e 17.

O museu do seu Município desenvolve alguma boa prática? Compartilhe com a CNM.

Quer saber como a Confederação pode ajudar a sua gestão da Cultura? Participe da Lista de Transmissão da área técnica de Cultura da CNM pelo WhatsApp. Acesse o link e salve o nosso número na agenda do seu celular.

Da Agência CNM de Notícias

Leia também

CNM compartilha boas práticas municipais durante a semana do Dia Internacional dos Museus