Home / Comunicação / Ações que os Municípios podem adotar para estimular a vacinação

Notícias

10/11/2022

Compartilhe esta notícia:

Ações que os Municípios podem adotar para estimular a vacinação

10112022 arte folder campanha cnm vacina

Entre os materiais disponibilizados pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) para a campanha Municípios vacinando o Brasil contra a volta de doenças, os gestores encontram um folder educativo com ações que podem ser adotadas para estimular a vacinação. As sugestões da área técnica da entidade reúnem orientações logísticas para as gestões municipais.

Uma delas é a ampliação do horário de funcionamento das salas de vacina, além da organização de vacinação aos sábados e em locais alternativos, como escolas. As unidades escolares são ainda grandes aliadas para checagem da vacinação da Caderneta de Saúde das crianças. Por meio dela, é possível verificar a situação vacinal e orientar os responsáveis pelos menores.

É usual que as vacinas venham armazenadas em único frasco multidoses, que tem validade de horas após aberto. Na vacina BCG, por exemplo, há 20 doses em um frasco, com validade de 6 horas após a abertura. Por isso, a sugestão é fazer a vacinação dos recém-nascidos ainda na maternidade.

Confira aqui o folder completo, com todas as orientações e acesse o site da campanha com todos os materiais. Eles podem ser utilizados em formato digital ou impresso, estão em alta resolução e podem ser compartilhados por todos.

Preocupada com as quedas nas coberturas vacinais, a CNM lançou a campanha com o intuito de munir os gestores de informações e incentivá-los a adotar ações para mudar esse cenário. No geral, as vacinas têm como meta de cobertura pelo menos 90% a 95% do público-alvo. Em 2021, no Brasil, porém, todas as Regiões do país ficaram abaixo de 70% para as vacinas em crianças de até um ano de idade.

Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas