Home / Comunicação / Acolhimento de médicos formados no exterior nos Municípios foi antecipado, atuação começa em março

Notícias

20/02/2019

Compartilhe esta notícia:

Acolhimento de médicos formados no exterior nos Municípios foi antecipado, atuação começa em março

ABrAlterado o cronograma de realização do acolhimento dos brasileiros formados no exterior nos Municípios participantes do Mais Médicos. Os profissionais selecionados devem começar a atuar nos dias 28 e 29 de março. Para isso, o Ministério da Saúde (MS) antecipou em duas semanas a fase de acolhimento nas localidades escolhidas. Os profissionais selecionados nas vagas remanescentes, dia 13 de fevereiro, terão entre os dias 12 a 26 de março para a realização da próxima etapa do programa. A mudança deve agilizar a assistência à população.

O módulo de acolhimento será realizado, na modalidade presencial pelos Ministérios da Saúde e Educação, em Brasília (DF). O treinamento prevê abordar assuntos como: legislação referente ao sistema de saúde brasileiro, o funcionamento e atribuições do SUS, Atenção Básica em saúde, protocolos clínicos de atendimento definidos pelo Ministério da Saúde, Língua Portuguesa e Código de Ética Médica.

Para prosseguir no programa, brasileiros formados no exterior deverão participar de todas as etapas do módulo de acolhimento e avaliação, conforme determina a legislação. Se aprovados, serão encaminhados diretamente para o Município de alocação. A lista de profissionais com os respectivos Municípios selecionados já foi divulgada, e os 1.397 brasileiros formados no exterior selecionaram vagas remanescentes em 667 localidades, preenchendo assim, todas as 8.517 vagas do atual edital, que ficaram abertas após o fim da cooperação com a Organização Pan-Americana da Saúde (Opas).

Com a alteração, o novo cronograma os brasileiros formados no exterior será:

12 a 26 de março – Realização do módulo de acolhimento;

27 e 28 de março – Deslocamento para os Municípios; e

28 e 29 de março – Início das atividades.

Leia também: Portaria traz relação de médicos brasileiros formados no exterior

Da Agência CNM de Notícias, com informações do MS
Foto: Ag. Brasil/EBC

 


Notícias relacionadas