Home / Comunicação / Biblioteca CNM contabiliza mais de 3,6 milhões de downloads

Notícias

06/04/2021

Compartilhe esta notícia:

Biblioteca CNM contabiliza mais de 3,6 milhões de downloads

06042021 bibliotecaAs publicações da Confederação Nacional de Municípios (CNM) alcançaram a marca de 3,6 milhões de downloads em março. No mês passado, os mais diversos materiais técnicos produzidos pela entidade, e disponibilizados no ícone Biblioteca do site, foram baixados 49.248. Assim, o resultado assume o segundo lugar histórico de período de maior acesso.

Historicamente, em março de 2020, a Biblioteca CNM chegou a registrar 56,2 mil downloads. De modo geral, a média de acessos fica entre 37 mil/ mês. Nos últimos 12 meses, o presidente Glademir Aroldi reforçou a importância de os gestores locais acessarem diariamente o site, as publicações e as redes sociais da entidade. Ele também intensificou a recomendação para a participação nas pesquisas que também são consolidadas em publicações.

"Os prefeitos podem acessar as orientações técnicas, gratuitamente, das mais diversas áreas de atuação da prefeitura. É o maior acervo de conteúdo municipalista existente", destaca o presidente da entidade. Diante disso, a área de Gestão da CNM apresenta a lista das dez publicações mais acessadas em março de 2021. Só a Nota Técnica (NT) 5/2021 sobre a Lei Aldir Blanc em 2021 foi baixada mais de 3,2 mil vezes em março.

Lista
Também estão no ranking das mais acessadas do mês, os Pareceres Jurídicos 1 e 2/2021 que tratam, respectivamente, da contratação de pessoal no exercício 2021 e da Lei Complementar 173/2020; o perguntas e respostas Aquisição de vacinas por entes federados e responsabilidade civil; os levantamentos mensais do Fundo de Participação dos Municípios (FPM) estão na lista dos mais baixados.

A NT 9/2021 do novo Fundeb e os profissionais da educação, o estudo Municípios em situação de emergência e estado de calamidade pública e o Perguntas e respostas: licenciamento ambiental municipal também tiveram grande número de acessos. De modo geral, Cultura registrou o segundo tema mais procurado durante o mês de março e ficou atrás apenas de finanças.

Da Agência CNM de Notícias 

 


Notícias relacionadas