Home / Comunicação / Bibliotecas públicas podem inscrever projetos em convocatória internacional de financiamento

Notícias

27/02/2019

Compartilhe esta notícia:

Bibliotecas públicas podem inscrever projetos em convocatória internacional de financiamento

27022019 iberbibliotecasPor meio do Programa Ibero-Americano de Bibliotecas Públicas (Iberbibliotecas), dirigido pela Secretaria-Geral Ibero-Americana (SEGIB) e coordenado pelo Centro Regional para o Fomento do Livro na América Latina e Caribe (CERLALC), está aberta a 7ª Convocatória do Concurso de Ajudas. A iniciativa vai destinar US$ 240 mil para projetos propostos por bibliotecas públicas, comunitárias e populares dos países e cidades membros: Brasil, Chile, Colômbia, Costa Rica, Equador, Espanha, México, Paraguai, Peru, Buenos Aires, Medellín e Quito.

As propostas deverão se enquadrar em uma das seguintes categorias: a) projetos para fortalecer redes e sistemas de bibliotecas nacionais, regionais ou de cidades; b) projetos de planejamento e desenvolvimento de serviços bibliotecários de extensão; c) projetos desenvolvidos em bibliotecas públicas ou comunitárias relacionados diretamente ao cumprimento dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)  4, 5, 8, 10 e 16.

As propostas selecionadas receberão até US$ 20 mil, no caso do projeto apresentado por uma única entidade, ou até US$ 40 mil, se inscrito conjuntamente por instituições de dois ou mais países integrantes do programa Iberbibliotecas. 

As instituições interessadas devem submeter até o dia 4 de maio seus projetos pelo e-mail iberbibliotecas@cerlalc.org. Para mais informações a respeito da iniciativa, acesse o site.

Participação municipal
E, para esclarecimentos, o gestor local pode entrar em contato com a área técnica de Cultura da Confederação Nacional de Municípios (CNM) pelo e-mail cultura@cnm.org.br ou pelo telefone (61) 2101-6053. A entidade compreende a importância da convocatória como fomento e articulação do setor de bibliotecas públicas da América Latina. Nesse sentido, é interessante para os Municípios brasileiros terem suas propostas contempladas.

Contudo, a entidade alerta às bibliotecas públicas municipais que querem participar que, caso sejam selecionadas, deverão oferecer uma contrapartida mínima ou porcentagem de financiamento própria, correspondente a 20% do total do projeto.

Da Agência CNM de Notíciascom informações do Iberbliotecas

 


Notícias relacionadas