Home / Comunicação / CNM acompanha plano de mobilidade urbana de Canarana (MT)

Notícias

21/01/2019

Compartilhe esta notícia:

CNM acompanha plano de mobilidade urbana de Canarana (MT)

Plano de mobilidade urbana de Canarana MTA Confederação Nacional de Municípios (CNM) esteve com o técnico de projetos do Município de Canarana (MT) Raimundo João nas atividades do Programa de Apoio à Elaboração de Planos de Mobilidade Urbana, da Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana.

A técnica de Trânsito e Mobilidade da CNM, Luma Costa, acompanhou a agenda dentro da estratégia de cooperação da entidade com o Ministério do Desenvolvimento Regional (antigo Ministério das Cidades) e os Entes locais. O objetivo é auxiliar Canarana e outros Municípios na construção do plano municipal de mobilidade urbana.

O Município mato-grossense fará, em abril, uma audiência pública para discutir a minuta do plano. E o apoio da CNM e do ministério tem sido fundamental nesse processo. “O nosso Município é uma cidade planejada, com avenidas largas. Mas já estamos nos preparando para o crescimento, em especial os próximos 10 anos. Acessamos recursos federais para avançar com a pavimentação asfáltica de Canarana, que já tem 85% de suas vias pavimentadas, toda a sinalização urbana, implantação de ciclovias e calçadas, e substituição da iluminação pública por lâmpadas de led”, relatou Raimundo.

“O apoio da CNM e do Ministério das Cidades é muito importante. Somos uma cidade pequena, onde todos se conhecem. E mudar a cultura de uma cidade pequena é complexo. Nesse sentido, o apoio dessas entidades não só no projeto, mas na audiência pública é muito importante para avançarmos com sucesso”, acredita.

Histórico
Em 2012, o Brasil instituiu a Política Nacional de Mobilidade Urbana. Um dos principais dispositivos da norma obriga Municípios com mais de 20 mil habitantes a elaborarem planos municipais de mobilidade urbana.

Para auxiliar os Entes locais na produção desses planos, que devem ser concluídos até abril de 2019, a Secretaria Nacional de Mobilidade Urbana (do antigo Ministério das Cidades) criou o programa Avançar Cidades – Mobilidade Urbana para o financiamento de projetos de mobilidade para as cidades brasileiras.

Em virtude dos desafios do setor, o Avançar Cidades iniciou o projeto com cinco Municípios-pilotos das cinco regiões do pais. A Confederação Nacional de Municípios acompanhou esses pilotos e, inclusive, produziu, a partir dessa experiência, uma cartilha sobre mobilidade urbana para apoiar os Municípios na elaboração dos planos.

Domingos Martins
Além de Canarana e dos cinco Municípios-pilotos, a CNM também acompanhou o desenvolvimento do plano de Domingos Martins (ES), que possui quase 35 mil habitantes e extensão territorial de 1.225 km², o que dificulta as conexões de núcleos existentes em áreas rurais e, em muitos casos, bem afastados uns dos outros.

Ao contrário do que muitas cidades realizam, substituindo blocos intertravados por asfalto, Domingos Martins pretende retomar os blocos intertravados em algumas áreas para melhorar a drenagem urbana, reduzir a velocidade dos veículos e aumentar a segurança viária, além de reduzir a temperatura e melhorar a qualidade ambiental, já que o Município é conhecido como uma "cidade verde". A localidade também é famosa pela unidade de conservação Parque Pedra Azul e pelo turismo de áreas históricas e esportes de aventura.

Todo esse acompanhamento está sendo reunido pela área técnica da entidade para compor um curso a distância que auxilie os Municípios brasileiros na elaboração dos planos municipais de mobilidade urbana.


Por: Luiz Philipe Leite
Foto: Luiz Philipe Leite
Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas