Home / Comunicação / CNM esclarece dúvidas sobre constituição de consórcios na área do turismo

Notícias

23/06/2021

Compartilhe esta notícia:

CNM esclarece dúvidas sobre constituição de consórcios na área do turismo

WhatsApp Image 2021 06 23 at 16.49.14Na manhã desta quarta-feira, 23 de junho, as áreas técnicas de Consórcios e Turismo da Confederação Nacional de Municípios (CNM) esclareceram dúvidas do Município de Engenheiro Paulo de Frontin (RJ). Os representantes do Município, Wellington das Neves e Miguel Kussama Junior, procuraram a Confederação para esclarecer dúvidas a respeito da constituição de consórcio público para o desenvolvimento do turismo na região do Vale do Café/RJ.

Atendidos pelas técnicas Elisa Alvarez e Marta Feitosa, os representantes foram orientados sobre os principais aspectos que devem se atentar no momento de fomentar esta iniciativa. Sobre este ponto, a área de turismo chamou atenção para a importância da correta estruturação dos objetivos do consórcio e que estes estejam bem alinhados com as políticas de turismo estaduais e nacionais, bem como subsidiem a estruturação das governanças dos Municípios envolvidos de forma local e regionalizada.

Marta Feitosa lembrou que o turismo é uma pauta diferente na administração pública e o trabalho de forma integrada, envolvendo diversos Municípios, deve ser construído a partir da identificação das potencialidades locais para o melhor aproveitamento e maior possibilidade de competitividade dos produtos e destinos frente aos mercados nacional e internacional. As dicas são: realizar o inventário da oferta turística de todos os Municípios, reavaliar os planos municipais de Turismo, promover a articulação institucional entre os atores envolvidos, organizar as governanças locais e ordenar a atividade. Para isso os Municípios podem acessar os materiais técnicos da área de turismo que tratam do tema e estão disponíveis aqui

Sobre a constituição do consórcio, a técnica da área salientou que o Município estava correto nas providências que tem tomado até o momento, como a elaboração do protocolo de intenções e sua ratificação nas câmaras dos vereadores e reforçou a importância da articulação política neste momento para garantir sua concretização, planejamento, diálogo e comprometimento dos demais Municípios envolvidos. Além disso, apresentou os materiais que a CNM dispõe para auxiliar neste processo e trouxe o caso do Consórcio Quiriri, finalista do prêmio Municiência, que foi uma iniciativa da CNM para identificar, reconhecer e reaplicar práticas inovadoras em gestão municipal.

Para saber mais acesse aqui para consórcios e aqui para turismo . 

Da Agência CNM de Notícias 


Notícias relacionadas