Home / Comunicação / CNM orienta Municípios sobre a garantia de abastecimento em decorrência da Covid-19

Notícias

30/03/2020

Compartilhe esta notícia:

CNM orienta Municípios sobre a garantia de abastecimento em decorrência da Covid-19

11062018 caminhoneiros EBCDiante do cenário mundial, a Confederação Nacional de Municípios (CNM) disponibiliza Nota Técnicacom orientações para garantia do abastecimento nos Municípios em decorrência do novo coronavírus (Covid-19). O documento vem depois de publicação no Diário Oficial da União (DOU), no último dia 21 de março, definir como essenciais aqueles serviços públicos e atividades indispensáveis à população que, se não atendidos, colocam em perigo a sobrevivência, a saúde ou a segurança da população.

 

O Decreto 10.282/2020 também considera como essencial a produção de alimentos, assim os gestores locais devem estar atento às atividades acessórias, de suporte, necessária para a cadeia produtiva, conforme definido na Portaria 116/2020/MAPA.

 

Desta forma, a  Nota Técnica da CNM tem o objetivo de orientar os Municípios para garantia do abastecimento em decorrência da Covid-19 e teve participação do Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - MAPA e do Ministério da Infraestrutura. Ela apresenta também os impactos na produção, transporte e abastecimento que podem afetar a cadeia de suprimentos nos Municípios, além de recomendações para manutenção da rede de abastecimento, incluindo pauta da CNM de ações emergenciais para União, Estados e Municípios.

 

O Ministério da Infraestrutura elaborou um modelo de decreto municipal, que está disponível em: cnm.org.br/coronavirus.

 

A publicação também considera como essencial a produção de alimentos. Deste modo, os gestores locais devem estar atentos às atividades acessórias, de suporte necessárias para a cadeia produtiva inclusive dos insumos e deslocamento dos produtores. Sendo assim, a CNM reforça que é necessário tomar todas as medidas preventivas para que as restrições nas vias e acessos aos Municípios não impactem o abastecimento. 

 

A Confederação destaca, ainda, que está trabalhando para orientar e disseminar recomendações e materiais que possam auxiliar os Municípios na prevenção do Convid-19 sem restringir o abastecimento, produção e transporte.


Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas