Home / Comunicação / CNM realiza Campanha Maio Amarelo com seus colaboradores e incentiva participação dos Municípios

Notícias

17/05/2019

Compartilhe esta notícia:

CNM realiza Campanha Maio Amarelo com seus colaboradores e incentiva participação dos Municípios

17052019 sede da CNM Maio AmareloA Confederação Nacional de Municípios (CNM) é mais uma a somar esforços para chamar a atenção para o alto número de mortos e feridos no trânsito por meio de ações que fazem parte da campanha Maio Amarelo. A entidade tem promovido iniciativas que possam conscientizar colaboradores sobre a importância da direção segura. Dados do Ministério da Saúde apontam que somente em 2017 no Brasil foram 41.151 mortes em vias públicas, o que coloca o país na 5ª colocação entre as nações com o maior número de vítimas de trânsito no mundo.

Diante desse número alarmante, a entidade está impulsionando várias ações com seus colaboradores. O edifício da CNM está iluminado na cor amarela, durante todo o mês, para alertar sobre a importância da campanha. Foram espalhados nas repartições da entidade cartazes da campanha, realizadas ações internas colaborativas e a área de trabalho ficou decorada com balões amarelos.

A CNM também vai distribuir laços da mesma cor. Ainda será realizada uma caminhada de mobilização com os colaboradores utilizando a camiseta da campanha, bem como registros fotográficos e publicações nas redes sociais, com a hashtag da campanha: #notransitoosentidoeavida.

Pauta no Congresso
Existe a expectativa de que algumas reivindicações sejam atendidas pelo Legislativo. Uma solicitação que tramita no Congresso é a aprovação do Projeto de Lei (PL) 822/2015. O texto prevê o fortalecimento dos órgãos municipais de trânsito e a unificação da fiscalização de trânsito.

Legislação

A Lei 13.614/2018, que instituiu o Plano Nacional de Redução de Mortes e Lesões no Trânsito (PNATRANS), foi aprovada em 2018 e acrescentou o artigo 326-A ao CTB (Lei 9.503/1997). Esse dispositivo dispõe sobre regime de metas de redução de índice de mortos no trânsito por grupos de habitantes e de índice de mortos no trânsito por grupos de veículos.

O PNATRANS define os pilares fundamentais para o desenvolvimento das propostas: Integração Cooperação e Coordenação no PNATRANS. Acesse aqui mais informações. 

Materiais da CNM

Qual são os reais impactos dos acidentes de trânsito no seu Município? Você conhece alguém que já se acidentou no trânsito? Você acha que um acidente pode ser evitado? Como o seu Município pode aderir à campanha?

Esses questionamentos são respondidos em um material elaborado pela CNM para os Municípios. Os documentos possuem dicas e materiais que podem ser utilizados livremente pelo Município. Acesse aquiA CNM destaca ainda que o Município pode promover ações coordenadas com a sociedade civil e com todos os atores envolvidos no processo. A intenção da entidade é colocar em pauta o tema segurança viária e mobilizar.17052019 sede da CNM maio amarelo area de trabalho

Boa Prática
A Confederação destaca na campanha Maio Amarelo algumas iniciativas desenvolvidas nos Municípios. Em São Paulo, foi implementado o Plano de Segurança Viária. O Município foi o primeiro a adotar esse tipo de plano com base na abordagem de Sistema Seguro. Ele prevê ações de curto, médio e longo prazo para redução da metade das mortes ocorridas no trânsito da cidade até 2028. Conheça aqui boa prática. 

Origem da campanha

O Maio Amarelo é um movimento internacional de conscientização para os altos índices de mortos e feridos no trânsito. Em 11 de maio de 2011, a Organização das Nações Unidas (ONU) decretou a Década de Ação para Segurança no Trânsito.

Com isso, o mês de maio se tornou referência mundial para balanço das ações que o mundo inteiro realiza. O objetivo era a criação de metas para a redução pela metade das mortes no trânsito para o ano de 2020. O amarelo simboliza atenção e também a sinalização de advertência no trânsito. O portal Maio Amarelo disponibiliza conteúdos completos sobre a temática que podem ser feitos downloads e aplicada a logo do seu Município. Acesse aqui o material. Assista ao vídeo da campanha. O Denatran também disponibiliza material publicitário que pode ser utilizado pelo Município.

Da Agência CNM de Notícias

 


Notícias relacionadas