Home / Comunicação / Com apoio de ferramenta da CNM, prefeitura se destaca em captação de recursos da iniciativa privada

Notícias

21/02/2020

Compartilhe esta notícia:

Com apoio de ferramenta da CNM, prefeitura se destaca em captação de recursos da iniciativa privada

IMG 5845 A ferramenta disponibilizada pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) tem possibilitado a captação de recursos para ações de assistência social, cultura e esporte por parte da prefeitura de Itá (SC). A Plataforma Êxitos concentra oportunidades de captação de recursos nacionais e internacionais de forma personalizada, de acordo com o perfil de cada Município.

Durante visita à sede da Confederação, nesta quinta-feira, 20 de fevereiro, o prefeito Jairo Luiz Sartoretto e o contador Elton José Thomas contaram como o Município tem se destacado no desenvolvimento projetos e conseguido desenvolve-los com apoio da iniciativa privada.

De acordo com o prefeito as parcerias com as empresas têm gerado recursos para o Fundação para a Infância e Adolescência (FIA); para o Fundo do Idoso e o Fundo do Esporte na prefeitura. “O Município de Itá é um que trabalha muito com a captação de recursos. Temos um departamento especializado que cuida só dessa área de projetos como para o FIA, para o Idoso, para a cultura, e nós temos tido muito sucesso nessa captação de valores nestas áreas”, destacou o prefeito em conversa com a Agência CNM.

O Município tem 10 mil habitantes e também desenvolve boas práticas na área de Esportes. O gestor contou também que tem valores no caixa da prefeitura para investimento no setor, mas a falta de um convênio entre a Secretária Especial de Esporte e alguma instituição financeira, impossibilitam a aplicação da verba. “Estamos aqui para pedir o apoio da CNM na Secretaria do Esporte onde não temos recursos há quase dois anos, mas não podemos investir em obras pela falta desse convênio”, explicou Sartoretto.

A consultora da área de Assistência Social da CNM Rosângela Ribeiro atendeu o Município e destacou que a demanda será repassada a diretoria da entidade. Ela parabenizou o gestor municipal e o contador pelas ações desenvolvidas no Município e ressaltou as campanhas da CNM para incentivar outros Entes locais a replicaram a ideia.

A CNM destaca que pela Lei de Incentivo ao Esporte (Lei 11.438/2006) é possível que empresas e pessoas físicas invistam parte do que pagariam de Imposto de Renda em projetos esportivos aprovados pela Secretaria Especial do Esporte do Ministério da Cidadania. As empresas podem investir até 1% desse valor e as pessoas físicas, até 6% do imposto devido.

Por Mabilia Souza

Foto: Mabilia Souza

Da Agência CNM de Notícias

 


Notícias relacionadas