Home / Comunicação / Dia Mundial Sem Carro, celebrado no domingo, alerta para impactos do transporte individual

Notícias

24/09/2019

Compartilhe esta notícia:

Dia Mundial Sem Carro, celebrado no domingo, alerta para impactos do transporte individual

24092019 tranporte alternativoO Dia Mundial Sem Carro – oportunidade para as pessoas refletirem sobre o uso do transporte individual e os efeitos na qualidade do ar e na vida dos munícipes – foi celebrado neste domingo, 22 de setembro. Nesta data, eventos em todo o mundo incentivam a população a deixar seus carros e buscar formas alternativas de deslocamento. Dessa forma, espera-se induzir mudanças de comportamento que melhorem os ambientes urbanos.

No Brasil, a capital de São Paulo foi pioneira e começou a promover atividades com esse propósito em 2006. Nos últimos anos, porém, outras cidades, como Vitória (ES), Foz do Iguaçu (PR), Sorocaba (SP), Rio de Janeiro (RJ) e Recife (PE), também passaram a realizar ações para conscientizar e engajar a sociedade.

Reduzir a poluição do ar é uma das principais vantagens apontadas por diversos pesquisadores. Segundo a Organização Mundial da Saúde (OMS), a poluição atmosférica mata indiretamente 2 milhões de pessoas todos os anos. E os benefícios para a saúde, como nos casos do uso do transporte ativo (bicicleta ou a pé), podem ser mais relevantes do que se imagina. Afinal, 44% das mortes no Brasil são por doenças cardiovasculares, respiratórias, cânceres, diabetes, e resultantes de sedentarismo e sobrepeso.

A Confederação Nacional de Municípios (CNM) lembra que a frota brasileira já totaliza 98 milhões de veículos, com um automóvel a cada quatro habitantes. Segundo dados da Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP), o transporte individual emite 40 vezes mais que o transporte público, levando o mesmo número de pessoas.

Uma ferramenta importante para o planejamento da mobilidade e mudança de cultura no Município é o Plano Municipal de Mobilidade, previsto na Política Nacional de Mobilidade Urbana, Lei 12.587/2012. A CNM elaborou um tutorial, em parceria com a Secretaria de Mobilidade (Semob), para auxiliar os Municípios com a metodologia simplificada.

Da Agência CNM de Notícias 


Notícias relacionadas