Home / Comunicação / Doze Municípios passarão por testes do Censo até 2 de dezembro

Notícias

24/09/2019

Compartilhe esta notícia:

Doze Municípios passarão por testes do Censo até 2 de dezembro

Licia Rubinstein/Agência de Notícias IBGEComo preparação para o Censo Demográfico 2020, o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IGBE) fará testes em doze Municípios brasileiros de quatro regiões. A atividade, iniciada em 21 de setembro, vai até 2 de dezembro de 2019. O intuito é verificar se as soluções pensadas para o próximo Censo são viáveis.

Neste momento, as equipes do órgão vão testar os questionários e a infraestrutura necessária – no próximo ano, o Censo será aplicado em todo o país. Todas as respostas são sigilosas e servem de base para o planejamento das cidades. Um teste completo chamado Censo Experimental, com coleta de dados de toda a população, será feito em Poços de Caldas (MG), Município de 166 mil habitantes e 64 mil domicílios.

Os Municípios de Jatobá, Tacaratu e Petrolândia, os três em Pernambuco (PE), receberão testes em terras indígenas. No Rio Grande do Sul (RS), os questionários serão aplicados em terras quilombolas nos Municípios de Porto Alegre e Restinga Sêca. Em Juiz de Fora, no Estado de Minas Gerais (MG), os testes serão aplicados em aglomerados subnormais – classificação do IBGE para assentamentos irregulares.

As equipes vão coletar ainda informações em frações amostrais (parte da população) em General Sampaio, no Ceará (CE), em Ermo, em Santa Catarina (SC), em Bujari, no Acre, e nas capitais de São Paulo (SP) e Rio de Janeiro (RJ). Nessas duas últimas, os funcionários do instituto federal também atuarão, respectivamente, em condomínios não falantes de português e domicílios improvisados (edificação não destinada exclusivamente à moradia e/ou inadequados para habitação).

FPM
A contagem populacional é um dos parâmetros utilizados pelo Tribunal de Contas da União na distribuição do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). Em períodos intercensitários – ou seja, em que não há o Censo Demográfico, são usadas as estimativas populacionais. A última foi divulgada pelo IBGE em agosto.

Os coeficientes do FPM, no entanto, estão congelados para os Municípios em que houve indicativo de redução de população, pelos dados de estimativa do órgão. Isso ocorre porque após intensa mobilização da Confederação e do movimento municipalista foi sancionada, em janeiro, a Lei Complementar 165/2019. Ela estabelece que, até que haja um novo Censo, serão mantidos os coeficientes de distribuição utilizados no exercício de 2018.

Leia também
CNM analisa coeficientes do FPM com nova estimativa populacional

Aroldi recebe presidente do IBGE em Brasília para tratar do Censo 2020

Da Agência CNM de Notícias, com informações do IBGE
Foto: Licia Rubinstein/Agência de Notícias IBGE


Notícias relacionadas