Home / Comunicação / Em cerimônia marcada pela emoção, Ziulkoski apresenta nova sede aos gestores do Sudeste

Notícias

28/10/2016

Compartilhe esta notícia:

Em cerimônia marcada pela emoção, Ziulkoski apresenta nova sede aos gestores do Sudeste

Ag. CNMDiscursos com vários momentos de emoção marcaram a cerimônia de apresentação da nova sede aos gestores da região Sudeste na quinta-feira, 27 de outubro. O presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM), Paulo Ziulkoski, deu boas-vindas aos prefeitos eleitos e reeleitos dos Municípios de Minas Gerais, São Paulo, Rio de Janeiro e Espírito Santo.

Com o auditório lotado, Ziulkoski fez um histórico de todo o processo de construção do espaço. Ele lembrou a luta e os desafios que o municipalismo enfrentou ao longo de duas décadas até a finalização do novo prédio. “Eu me emociono quando falo. Eu vejo isso (processo de construção da nova sede) como muito complicado porque teve toda uma autorização, levou anos para arrumar autorização do prédio". Nesse contexto, o presidente da CNM ressaltou aos gestores o que representa a nova sede para o movimento. “Isso aqui é um sonho de muitos e muitos anos. É a casa dos senhores. A casa dos Municípios do Brasil. Nós temos agora também a nossa autonomia na parte física”, discursou.

Além da estrutura que vai oferecer mais comodidade aos gestores de todo o Brasil, Ziulkoski também reforçou as conquistas da Confederação em prol do municipalismo. Ele ainda destacou que a entidade ganha cada vez mais visibilidade no exterior.  “Nós estamos trabalhando, organizando, fazendo relacionamento internacional. Hoje eu tenho orgulho de chegar a qualquer país e saber que a Confederação é considerada a maior entidade do mundo”, informou.

Agradecimentos
O vice-presidente da CNM, Glademir Aroldi, reiterou o discurso proferido na cerimônia de visita aos novos gestores das regiões Norte e Centro-Oeste. Ele agradeceu aos envolvidos que participaram da construção da nova sede. “Todos ajudaram e ajudaram muito. Mas aqui estão o coração, a alma, o conhecimento e a experiência do presidente Paulo. O Paulo é o grande engenheiro e arquiteto não só dessa obra física, mas também da construção do movimento municipalista brasileiro”, disse Aroldi.

Muita emoção
O momento mais emocionante da cerimônia foi marcado com o discurso de uma das fundadoras da CNM, Dalva Christofoletti. Com a voz embargada, ela direcionou-se ao Ag. CNMpresidente da Confederação e fez um testemunho comovente. “Paulo, eu tenho certeza de que lá no céu tem um grupo de pessoas muito feliz. Eles, eu e mais dois que ainda estão vivos sonhavam em uma CNM como estamos hoje. A CNM foi uma antes de você e passou a ser outra depois. Você que veio realizar o nosso sonho. Nós sonhamos com isso. Deus lhe pague”, disse a fundadora da CNM, seguida de aplausos calorosos.

Já o presidente da Associação dos Municípios do Estado do Espírito Santo (Amunes), Dalton Perim, enfatizou a satisfação de viver um momento histórico da  Confederação. “Estou tendo o privilégio de conviver e relatar o crescimento e desenvolvimento de uma Confederação tão importante como a CNM. Queria parabenizar o presidente. Esse homem visionário que entendeu a importância da união e de se fortalecer em busca de objetivos. Estou muito feliz de estar aqui”, relatou.

O primeiro secretário da CNM, Eduardo Tabosa, finalizou a cerimônia destacando a sua experiência como gestor e a forma como conheceu o municipalismo. Ele ressaltou que ficou mais próximo do movimento municipalista quando assumiu a diretoria da Associação dos Municípios de Pernambuco (Amupe). Ele destacou a importância do convívio com Ziulkoski. “Comecei a vivenciar mais de perto com toda a equipe e com o presidente. Isso foi muito positivo pra mim. Passei a conviver com uma pessoa com visão do futuro, um administrador de mão cheia. Essa forma de empreendedor do Paulo fez com que a gente chegasse ao dia de hoje”, elogiou. Encerrada a cerimônia, Ziulkoski convidou todos os gestores do Sudeste para que assinassem em um painel que ficará exposto no museu municipalista.

Estrutura
Ag. CNMA nova sede conta com uma estrutura ampla e vai oferecer mais comodidade aos gestores públicos municipais. A estrutura da nova sede também levou em conta a questão ambiental. Foram plantadas mais de 150 mudas nativas em substituição às árvores que foram retiradas com a construção do novo prédio. Além disso, a nova sede conta com tanques de reuso de águas.

O novo prédio possui um salão nobre para 500 pessoas e quatro salas multimídias integradas. Para oferecer conforto aos colaboradores, prefeitos e visitantes, a nova sede terá dois andares de estacionamento e um restaurante. O novo espaço contará com um ambiente com mais luminosidade e conforto térmico. Também foram construídos um Museu do Municipalismo e uma praça cívica.

 


Notícias relacionadas