Home / Comunicação / Hora do Turismo: inovação, sustentabilidade e cooperação como pilares no pós Covid-19

Notícias

07/08/2020

Compartilhe esta notícia:

Hora do Turismo: inovação, sustentabilidade e cooperação como pilares no pós Covid-19

07082020 live turismo 1 marketing de destinos Arte CNMVocê sabe o que são destinos turísticos inteligentes? São aqueles que utilizam tecnologia para integrar o destino e o turista, melhorando a experiência do visitante e do morador local, sem esquecer a sustentabilidade. Quem detalha a tendência é Marta Poggi, palestrante, consultora e mentora internacional de turismo especializada em marketing digital.

Nesta quinta-feira, 6 de agosto, ela foi a convidada da live Hora do Turismo, transmitido no canal do Youtube e no Facebook da Confederação Nacional de Municípios (CNM). O bate-papo com a equipe técnica da CNM tem duração de uma hora, mas, por problemas técnicos de conexão com a internet, infelizmente o programa encerrou mais cedo. Ainda assim, deu para tirar lições valiosas em meia hora de apresentação.

A analista técnica de Turismo da CNM Marta Feitosa deu boas-vindas à palestrante lembrando: “Não adianta ter o Munícipio preparado e os protocolos se não você consegue passar isso para o seu cliente”. Foi nesse sentido que a equipe optou por convidar a especialista em marketing digital, já que, com sua experiência e conhecimento, ela poderia transmitir aos gestores a importância de traçar estratégias de posicionamento e de comunicação no atual cenário.

Erros e acertos
Durante a live, Marta Poggi deixou claro que conseguir comunicar ao mercado que a localidade está apta para receber visitantes com segurança e experiências únicas será um dos diferenciais. “Primeiro erro que os destinos que não têm tanto planejamento de marketing cometeram foi interromper a comunicação. É justamente nesse momento que as pessoas querem saber o que está acontecendo, como está a segurança. O segundo erro é acreditar que vamos voltar ao mesmo turismo de antes”, alertou.

07082020 live turismo 2 apresentacao martaDe acordo com a consultora, o mundo e as pessoas mudaram, então nada mais justo que repensar o mercado e rever os planos. “O cenário de hoje não é o mesmo de quatro meses atrás”, reconheceu. Depois de definir um novo posicionamento, é a hora de investir na comunicação. E, como a retomada do turismo ocorrerá primeiro regionalmente, ela acredita que essa pode ser a chance que muitos destinos menos consagrados estavam esperando para atraírem turistas.

Em sua apresentação, ela descreveu o perfil do viajante pós-Covid 19 e recomendou aos diferentes segmentos turísticos, como o gastronômico e o de aventura, alinharem suas atividades com as recomendações de saúde - incluindo respeito à distância e limite de pessoas. O turismo de experiência, como já destacado pela CNM, continua em alta.

“A pandemia impactou na renda, então a única saída é pensarmos em inovação e em oportunidades que temos para cada destino. Como torná-lo mais competitivo? Primeiro passo é reconhecer os diferenciais”, disse. Para inspirar os gestores brasileiros, ela apresentou exemplos da Argentina, Peru, Portugal, Espanha e do próprio Brasil. Antes de concluir, ela exaltou quatro pilares: inovação/experiência, tecnologia, sustentabilidade e cooperação/governança.

Veja e-book disponibilizado gratuitamente pela palestrante.

Assista ao Hora do Turismo: Marketing de Destinos Turísticos + Marketing Digital + Storytelling:
">

Por Amanda Maia
Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas