Home / Comunicação / Mais da metade dos Municípios já flexibilizou uso de máscaras em locais abertos

Notícias

25/03/2022

Compartilhe esta notícia:

Mais da metade dos Municípios já flexibilizou uso de máscaras em locais abertos

A flexibilização do uso de máscaras em locais abertos já é uma realidade em 57,2% dos Municípios, conforme mostra nova edição da pesquisa sobre a Covid-19 da Confederação Nacional de Municípios (CNM). O levantamento, promovido entre 21 e 24 de março, com 1.939 prefeituras, mostra que 42,1% (816) gestores mantêm a obrigatoriedade do equipamento de segurança como medida de enfrentamento ao coronavírus. 

O resultado é bem diferente da última quinzena, onde 89% dos pesquisados mantinham esta obrigatoriedade. Quando se considera a região dos gestores, 73,3% dos nordestinos e 65,4% do Norte ainda seguem com regras mais rígidas. Em relação ao uso de máscaras em ambientes fechados, 68,1% (1.320) disseram que a obrigatoriedade ainda está em vigor e 28,2% (547) afrouxaram a norma. Outros 3,7% não responderam.

A pesquisa também perguntou sobre a aplicação da segunda dose de reforço da vacina contra a Covid-19 em idosos, recomendada por nota técnica do Ministério da Saúde divulgada nesta quarta-feira, 23 de março. Segundo o levantamento, pelo menos 525 gestores já iniciaram este esquema vacinal.

Aulas e vacinação de crianças

Em 87,9% (1.704) dos Municípios pesquisados, as aulas já retornaram e estão 100% presenciais; apenas três disseram continuar com a modalidade remota; e em 6,6% (128) as crianças têm aula on-line e presencial. A vacinação de crianças nas escolas é uma estratégia já adotada por 32,5% (609) dos Municípios pesquisados nesta 37ª edição do mapeamento. A maioria, 65,1% (1.222) das localidades, no entanto, ainda não aderiu a esse modelo de campanha de vacinação. 

De acordo com a pesquisa, 150 (8,2%) gestores precisaram paralisar as aulas do ano letivo. Desses,  21 apontam que o motivo foi o aumento de casos registrados no ambiente escolar. Contudo, em 1.680 (91,7%) o calendário tem sido cumprido sem registros de anormalidades, em relação à proliferação do vírus. 

Estado de calamidade

Pelo menos 1.227 prefeitos – 63,3% dos pesquisados – concordam com a flexibilização do estado de calamidade sanitária em decorrência da pandemia da Covid-19, enquanto 595 (30,7%) defendem a manutenção do decreto, consequentemente, das medidas extraordinárias permitidas.

Veja o levantamento completo AQUI: https://bit.ly/3LgIany

 

REVEJA AS EDIÇÕES ANTERIORES ⤵️ 


Edição 36: https://bit.ly/3CBI0Ef

Edição 35: https://bit.ly/3I8mpEm

Edição 34: https://bit.ly/3t2Pvkf

Edição 33: https://bit.ly/3nt9Wnf

Edição 32: https://bit.ly/36aQ824

Edição 31: https://bit.ly/3kWyUdi

Edição 30 :https://bit.ly/3bq4oDv

Edição 29: https://bit.ly/3jrE9kN

Edição 28: https://bit.ly/3lm27Pr

Edição 27: https://bit.ly/3uvY5Ho

Edição 26: https://bit.ly/3AGrVLF

Edição 25: https://bit.ly/39hUgvM

Edição 24: https://bit.ly/3BBmb5V

Edição 23: https://bit.ly/2WyUUSw

Edição 22: https://bit.ly/2WuwysM

Edição 21: https://bit.ly/3mhcTaP

Edição 20: https://bit.ly/3m1BqQQ

Edição 19: https://bit.ly/3CeN40w

Edição 18: https://bit.ly/3BwGLFl

Edição 17: https://bit.ly/3ihOZIx

Edição 16: https://bit.ly/36Dwbhu

Edição 15: https://bit.ly/3dKC9B8

Edição 14: https://bit.ly/3dgRSYy

Edição 13: https://bit.ly/3gH0sAA

Edição 12: https://bit.ly/3zjJ7WO

Edição 11: https://bit.ly/2SSwzVM

Edição 10: https://bit.ly/3utD1Qd

Edição 09: https://bit.ly/2Rt1yHP

Edição 08: https://bit.ly/3bJu8v4

Edição 07: https://bit.ly/3etzxZj

Edição 06: https://bit.ly/33pgc4Y

Edição 05: https://bit.ly/3tLTAHz

Edição 04: https://bit.ly/2Q6oNGE

Edição 03: https://bit.ly/3tr7630

Edição 02: https://bit.ly/3do0sFd

Edição 01: https://bit.ly/3uWHsU


Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas