Home / Comunicação / Municípios implantam ferramentas que facilitam o atendimento ao cidadão

Notícias

04/07/2011

Compartilhe esta notícia:

Municípios implantam ferramentas que facilitam o atendimento ao cidadão

CNM

As prefeituras de Tambaú (SP) e Osório (RS) adotaram recursos que motivam o acesso da comunidade em suas páginas de internet e facilita alguns processos cotidianos. Os dois sites desenvolvidos pela parceria com a Confederação Nacional de Municípios (CNM) viabilizaram a implantação das novas facilidades tecnológicas, como o protocolo digital.

No site do Município paulista, agora, é possível fazer a autenticação de certidões, e no endereço on-line do Município gaúcho, a comunidade encontra links que proporcionam a solução de situações sem sair de casa. Como por exemplo: link de acesso à segunda via do Imposto Predial e Territorial Urbano (IPTU), certidões e consulta a respostas de manifestações à Ouvidoria.

A CNM tem alertado aos prefeitos para o fato de a gestão informatizada ser uma tendência mundial, e isso reflete diretamente na gestão pública. Com as inovações, melhor administração e integração com a comunidade local podem ser conquistadas.  

De acordo com os relatos da entidade, diversos Municípios têm aderido ao modelo de informatização. Como os protocolos digitais, por exemplo, que tendem a oferecer agilidade e comodidade, pois evita o deslocamento do cidadão até determinado local e, geralmente, enfrentar filas para solucionar realizar procedimentos simples, como pagar contas.

Exemplo
A CNM também destaca o exemplo de outros órgãos que tem utilizado a tecnologia a favor da gestão e do melhor atendimento à população.  No Supremo Tribunal Federal a
política de digitalização de processos já foi adota. A medida permite que os envolvidos no processo consultem os altos onde e quando quiser.

Também a Polícia Civil de diversos Estados implantou a Delegacia Eletrônica, que deve desburocratizar o sistema de registros de ocorrências em casos de: acidente de trânsito sem vítima, extravio de objetos e documentos, furto simples, e desaparecimento e localização de pessoas.


Notícias relacionadas