Home / Comunicação / Municípios de fronteiras relatam dificuldades em visita à sede da CNM

Notícias

01/11/2018

Compartilhe esta notícia:

Municípios de fronteiras relatam dificuldades em visita à sede da CNM

JEF 2129As dificuldades enfrentadas pelos gestores que administram Municípios fronteiriços foi destaque nos atendimentos da Confederação Nacional de Municípios (CNM) aos municipalistas na manhã desta quinta-feira, 1º de novembro, na sede. A área Internacional da entidade tem aplicado um questionário com esses gestores que visitam a entidade, com o objetivo de construir uma pauta atualizada dos Municípios de fronteira.

Os prefeitos de Assis Brasil (AC), Antônio de Souza; Santa Rosa do Purus (AC), Francisco da Costa, Itaubal (AP), José Filho, e Vitória do Jari (AP), Raimundo Souza, relataram em entrevista à Agência CNM de Notícias as principais demandas de suas regiões.

O trafico de drogas foi destaque entre os gestores que fazem fronteira com países como Bolívia, Peru, por exemplo. “Essa imensa fronteira que os Municípios do Brasil têm com outros países com diversos problemas, e nós, por sermos o maior e a maior economia, acabamos sendo prejudicados”, explicou o gestor.

“O Brasil fica muito abandonado nas periferias, nas fronteiras, principalmente as longínquas. Ali nós temos muitos problemas de tráfico de pessoas e, principalmente, o tráfico de drogas”, relatou o prefeito de Assis Brasil.

O prefeito de Santa Rosa do Purus completou: “a gente enfrenta muitos problemas com as drogas, mesmo com a Polícia Federal atuando, a gente ainda tem muitas questões a serem resolvidas”.

JEF 2152Por outro lado, o gestor do Município de Vitória do Jari destacou o trabalho da CNM. “A CNM tem um papel fundamental para os Municípios, principalmente para nós, os mais distantes”, frisou. “Desde 2013, quando fui eleito, eu sempre acompanhei a CNM, pois eu vejo que a Confederação é muito importante, para reivindicar nossos direitos”, concluiu.

“Aproveitei a vinda a Brasília para conhecer a estrutura da CNM e buscar orientações dos técnicos da entidade”, contou o prefeito de Itaubal, que recebeu orientações das áreas de Saúde, Educação e Previdência.

Por: Mabilia Souza

Fotos: Jefferson Viana

Da Agência CNM de Notícias http://www.li.cnm.org.br/r/vPB8xZ, com informações da Agência Senado


Notícias relacionadas