Home / Comunicação / Oficina aponta caminhos para cidades inovadoras

Notícias

02/05/2019

Compartilhe esta notícia:

Oficina aponta caminhos para cidades inovadoras

OficinaCidadesInovadorasParaPessoasNos seus sonhos, como é a cidade inovadora para as pessoas? Essa foi a pergunta que norteou as reflexões e as atividades realizadas na oficina promovida pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) nesta quinta-feira, 2 de maio. A iniciativa contou com a participação de profissionais que possuem experiência em inovação no setor público e privado. A mediação da oficina foi feita por Eduardo Nomura, gerente de inovação na Caixa Econômica Federal (CEF).

Resiliência, inclusão, vocação, acessibilidade, equidade, ruptura, amor, sensibilidade, participação ativa, colaboração, felicidade, transformação. As palavras foram algumas das apontadas pelos participantes como o caminho para se alcançar a cidade dos sonhos. Em comum na visão dos participantes, a certeza de que não há inovação sem que existam resultados reais na vida da população dessas cidades.

Ao abrir a oficina, o segundo secretário da CNM, Eduardo Tabosa, reforçou essa visão e destacou a importância de se pensar inovação com foco nas pessoas. “Inovar é mudar a vida do cidadão. Precisa impactar quem está lá na ponta. É aquilo que transforma a vida da Maria e do José. Isso é inovação”, ressaltou.

OficinaCidadesInovadorasParaPessoas4A oficina teve como foco três abordagens: i. como o conceito será abordado na XIII Cúpula Hemisférica de Prefeitos e Governos Locais; ii. quais módulos deverão compor curso a distância sobre o tema; e iii. quais as dimensões que a área de de inovação da CNM deve atuar.

Após a apresentação dos termos e a justificativa para as escolhas de cada palavra, os participantes se juntaram para agrupar as palavras-chave na chamada "Árvore de Conceitos", que foi dividida em 12 grandes grupos: gestão; empatia; tecnologia; participação; acessibilidade; direitos; transparência; vocação e oportunidade; amor; espaços urbanos; cuidado; e criatividade.

A partir da construção da Árvore, foram formados cinco grupos para a proposta de construção do curso a distância, com indicações de módulos e temas relacionados a cada problemática, bem como experiências práticas que sejam efetivas na implementação dessas ações. Os grupos propuseram módulos que podem apoiar os gestores locais na transformação de sua gestão, por meio de ações que envolvem desde o diagnóstico até a avaliação das mudanças realizadas.

OficinaCidadesInovadorasParaPessoas3Também foi apresentado o Mapa Estratégico da CNM e a proposta de criação de uma área voltada especificamente à inovação. O diretor-executivo da CNM, Gustavo Cezário, falou sobre a iniciativa. “Essa área de Inovação e transparência vem trabalhar a modernização da gestão, transparência publica e ela tem que entregar mudanças institucionais de conquistas políticas, ajudar os Municípios no desenvolvimento municipal e fazer com que de certa forma fortalece o movimento municipalista”, pontuou.

XIII Cúpula
Em 2020, o evento ocorre no Brasil, de 17 a 20 de março, na cidade de Recife, Pernambuco, com o tema debatido na oficina. Com público latino-americano esperado de três mil pessoas, a Cúpula visa a promover avanços na construção de políticas públicas locais e fomentar a parceria entre os diversos setores da sociedade.

Para finalizar as atividades da oficina, os participantes usaram Lego para montar a planta do espaço materializando as propostas de ações concretas nos espaços.

Por: Viviane Cruz
Fotos: Agência CNM
Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas