Home / Comunicação / Panorama aponta a criação de 1.817.950 empregos em abril nos Municípios

Notícias

08/06/2022

Compartilhe esta notícia:

Panorama aponta a criação de 1.817.950 empregos em abril nos Municípios

08062022 CarteiraTrabalhoDurante o mês de abril de 2022, foram criados 1.817.950 empregos em todos os 5.568 Municípios. O levantamento integra o Panorama do Emprego Municipal, elaborado pela Confederação Nacional de Municípios (CNM) a partir do acompanhamento do mercado de trabalho, do fluxo de admissões e desligamentos de ocupações com carteira assinada, divulgadas pelo Novo Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged).

O estudo aponta, ainda, que em abril foram feitos 1.629.626 desligamentos. Ao comparar com o número de empregos criados, o saldo é positivo de 188.324 postos de trabalho em todo o país. A pesquisa permite explorar o desempenho do mercado formal de trabalho em cada um dos Municípios brasileiros. No mês, 3.250 Municípios, ou seja, 58% apresentaram criação líquida de empregos com carteira assinada. Este foi o maior resultado para abril desde o início do Novo Caged, em janeiro de 2020.

Carteira Assinada
Ainda de acordo com o Panorama do Emprego Municipal, o estoque de postos com carteira assinada cresceu 0,5% frente ao mês anterior, 6,8% contra abril de 2021 e 7,3% nos últimos doze meses. A geração de empregos foi generalizada em todos os portes municipais. O maior crescimento mensal ocorreu nos Municípios de pequeno porte, que apontou uma maior expansão contra março de 2022.

O crescimento do mercado de trabalho por região geográfica foi generalizado em abril. A maior variação mensal ocorreu no Centro-Oeste (0,7%), enquanto a região Norte permaneceu com o maior crescimento contra abril de 2021 e no acumulado em 12 meses (8,5% e 9,2%). O menor crescimento mensal e contra abril de 2021 ocorreu na região Sul (0,3% e 6,0%), enquanto a região Sudeste apresentou o menor crescimento em 12 meses (6,9%).

A CNM espera auxiliar os gestores na tomada de decisão ao informar a geração de emprego com carteira assinada. A criação de novas vagas de emprego pode indicar o aquecimento e a dinamização da atividade econômica nos Municípios.

Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas