Home / Comunicação / Paraná é o segundo Estado com mais prefeitos inscritos para a Marcha

Notícias

14/03/2019

Compartilhe esta notícia:

Paraná é o segundo Estado com mais prefeitos inscritos para a Marcha

Ag AMP Com 399 Municípios, o Paraná estará presente, em peso, no maior evento político brasileiro dedicado à pauta da gestão municipal. O Estado chegou a 50% dos prefeitos confirmados e ocupa o segundo lugar na lista de maior número de inscritos para a XXII Marcha a Brasília em Defesa dos Municípios – atrás apenas de Minas Gerais. Além das 201 lideranças do Executivo, 40 vereadores e 62 participantes em geral fizeram sua inscrição no site.

A 25 dias do encontro, que, neste ano, será realizado de 8 a 11 de abril, o PR está próximo de chegar aos 349 participantes da última edição. Em 2018, 145, dos 399 prefeitos paranaenses, estiveram na capital federal para demonstrar a força do movimento municipalista e lutar pelas demandas dos gestores.

Para o presidente da Associação dos Municípios do Paraná (AMP), Frank Ariel, a importância do contexto político atual e a articulação em nível estadual devem colaborar para que a quantidade de inscrições – hoje em 303 confirmações – ultrapasse a do ano anterior. “Estamos vivendo um momento muito importante, que precisamos estar unidos pelos direitos da nossa população e pela sobrevivência dos nossos Municípios. Por isso é tão importante que todos estejam conosco, fazendo frente e participando da Marcha”, exaltou.

Demandas
Segundo Ariel, que é prefeito de Coronel Vivida, o evento resulta em avanços e conquistas não só em nível nacional, como também em âmbito regional, em razão dos atendimentos e arenas técnicas. Por isso, a diretoria da AMP irá realizar uma assembleia geral com prefeitos e dirigentes de associações de Municípios de todas as regiões do PR para levantar as reivindicações e prioridades. “Nós do Paraná também temos nossas necessidades”, adiantou o presidente.

A reunião será no dia 2 de abril, às 14h, na Assembleia Legislativa de Curitiba. Na lista de assuntos a tratar constam: discussão da pauta municipalista do Paraná a ser entregue na Marcha; repasses dos programas federais do Ministério da Cidadania, como para os Centros de Referência de Assistência Social (CRASs); convênios em andamento; pagamentos referentes às obras; programa Mais Médicos; saúde indígena; e nova previdência.

Confira mensagem do presidente da AMP

Por: Amanda Maia
Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas