Home / Comunicação / Prefeita de Quatiguá (PR) consulta área de Finanças da CNM visando melhorar arrecadação

Notícias

08/07/2019

Compartilhe esta notícia:

Prefeita de Quatiguá (PR) consulta área de Finanças da CNM visando melhorar arrecadação

Marco Melo/CNMBuscando meios de melhorar a arrecadação no Município, a prefeita de Quatiguá, no Paraná, Adelita Parmezan de Moraes, buscou atendimento técnico da área de Finanças da Confederação Nacional de Municípios (CNM), nesta segunda-feira, 8 de julho. Ela também participará nesta terça, 9 de julho, da mobilização pela inclusão dos Entes municipais na Reforma da Previdência.

Entre as consultas feitas, a gestora checou valores a receber do Fundo de Participação dos Municípios (FPM). “Pode ter uma melhora porque os recursos acompanham a evolução da arrecadação”, explicou a técnica da área de Finanças Fabiana Santana. Em busca de ter um alívio nas contas, a prefeita questionou sobre a possibilidade do acréscimo de 1% no mês de setembro.

A Proposta de Emenda à Constituição 391/2017 – que prevê o repasse de mais 1% ao Fundo – foi aprovada, em junho, pela comissão especial que analisava o tema e aguarda aprovação do plenário da Câmara. O texto já tem o crivo do Senado. Após promulgada, a medida passará a valer em 2020 e de maneira escalonada, com 0,25% do primeiro ano.

“Iniciamos capacitação na área do ISS para aumentar arrecadação, contratamos uma empresa para averiguar o que ocorre com o nosso ITR, que é muito baixo em comparação com os dados do Paraná”, comparou a prefeita. A especialista de Finanças da entidade também orientou e tirou dúvidas sobre o Imposto sobre a propriedade Territorial Rural (ITR), especialmente em relação à importância de fiscalizar.

Lounge Municipalista
A CNM tem uma área reservada para atendimentos e reuniões com prefeitos, vereadores e demais gestores que visitam a entidade. O local, chamado de Lounge Municipalista, oferece aos gestores de Municípios filiados recursos como computadores, impressoras e salas equipadas.

É lá também que são feitos os atendimentos por área técnica. Por exemplo, se um prefeito tem dúvidas sobre determinado tema, um especialista da área ouvirá a demanda e buscará respostas e soluções.

Por: Amanda Martimon
Da Agência CNM de Notícias
Foto: Marco Melo/CNM


Notícias relacionadas