Home / Comunicação / Projeto Virada Ambiental estimula Municípios a plantarem mudas de árvores nativas

Notícias

11/08/2020

Compartilhe esta notícia:

Projeto Virada Ambiental estimula Municípios a plantarem mudas de árvores nativas

11082020 Sofia Projeto02Com o objetivo de sensibilizar a sociedade em relação à importância do plantio de mudas nativas para a conservação da biodiversidade, foi lançado nesta terça-feira, 11 de agosto, o Projeto Virada Ambiental. Essa é a segunda edição do projeto, que teve início no Estado de Goiás. A meta para este ano vai além de levar a iniciativa a todos os Municípios goianos. A ideia agora é que o ação chegue pelo menos em um Município de cada unidade da federação, tornando a iniciativa nacional.

A meta está incluída nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, que integram a Agenda 2030, proposta pela Organização das Nações Unidas (ONU), que envolve diferentes níveis de governo, organizações, empresas e a sociedade como um todo nos âmbitos internacional e nacional e também local. “O projeto começou com pensamento de plantar algumas árvores, passa a ser um indutor de políticas públicas nacional com estímulo de plantio”, complementou o idealizador do projeto e diretor de Extensão da Universidade Federal de Goiânia (UFG), Emiliano Lôbo de Godoi.

11082020 SOfia ProjetoA ação conta com o apoio da Confederação Nacional de Municípios (CNM). Na oportunidade, a analista técnica de meio ambiente da entidade, Sofia Zagallo, reforçou que o Município interessado em participar deve se comprometer com o plantio orientado de mudas de árvores durante o mês de novembro. “A iniciativa traz muitos benefícios para os Municípios e munícipes. Ao incentivar que os gestores realizem essa ação, vai tornar ainda maior a participação dos Municípios na conservação da biodiversidade e também no resgate dos serviços ambientais locais”, ressaltou a analista.

Também como apoiador do evento, o presidente da Associação Goiana de Municípios (AGM), Paulo Sérgio de Rezende, reforçou que as ações de hoje serão sentidas no futuro. “Para nós, para os nossos filhos, nossos netos e as pessoas futuras, tenho certeza que seremos lembrados por muito tempo. Por isso, vamos unir forças para juntos mostrar que podemos fazer o bem para nossa sociedade, melhorando nosso ar, nosso meio ambiente”, finalizou o líder municipalista.

Como participar
A Semana da Virada Ambiental será do dia 22 a 28 de novembro. O edital do projeto está em elaboração e em breve deve ser disponibilizado para que os Municípios possam se inscrever. Após a publicação do edital e a demonstração do interesse em participar, o gestor deve assinar um termo de adesão ao projeto, em seguida promover a preparação das áreas de plantio. Por fim, os participantes apresentam os documentos comprobatórios como fotos do plantio, vídeos ou notas publicitárias, e o certificado de compra ou doação de mudas.

Edição anterior
A primeira edição da Virada Ambiental aconteceu em 2019. Na oportunidade foram plantadas milhares de mudas por todo o Estado de Goiás e teve como resultado a adesão de mais da metade dos Municípios e o plantio de 130 mil mudas de árvores. A ação foi simples: cada Município ficou responsável pelo plantio mínimo de mil mudas.

Além da CNM, o projeto também tem como colaboradores a Associação Goiana de Municípios (AGM), Federação Goiana de Municípios (FGM), Associação Nacional de Órgãos Municipais de Meio Ambiente (Anamma) e a Extensão Rural e Pesquisa Agropecuária (Emater).

Confira como foi o lançamento:

Por: Lívia Villela
Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas