Home / Comunicação / Prorrogada até dia 30, campanha contra a gripe quer imunizar mais 28,3 milhões

Notícias

02/06/2020

Compartilhe esta notícia:

Prorrogada até dia 30, campanha contra a gripe quer imunizar mais 28,3 milhões

DivulgaçãoCom 63,53% dos públicos-prioritários imunizados, a Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe foi prorrogada para até 30 de junho. O Ministério da Saúde (MS) anunciou a nova data na nesta sexta-feira, 29 de maio, com objetivo de chegar a mais 28,3 milhões de pessoas, que ainda não receberam a vacina. Desde o início da ação nacional, em 23 de março, 50 milhões de pessoas foram vacinadas. Mas, apenas 25,7% de 36,1 milhões de pessoas estimadas na terceira fase receberam a vacina.

A terceira e última fase teve início no dia 11 de maio, com prioridade aos grupos formados por pessoas com deficiência, crianças de 6 meses a 6 anos, gestantes, puérperas, professores e pessoas de 55 a 59 anos de idade. Ela foi dividida em duas etapas: a primeira com foco nas pessoas com deficiência; crianças de seis meses a menores de seis anos; gestantes; e mães no pós-parto. A segunda etapa, que agora segue até o dia 30 de junho, direcionada aos demais.

A vacina é importante para reduzir complicações e óbitos por influenza e a meta é vacinar 90% dos grupos prioritários. Na primeira fase da Campanha Nacional de Vacinação contra a Gripe de 2020, mais de 100% do grupo prioritário, idosos com 60 anos ou mais e trabalhadores de saúde foram vacinados contra influenza, ou seja, acima da meta de 90%. Durante a segunda fase, no entanto, a cobertura foi de 66,61%. Até 23 de maio, foram registrados 1.483 casos hospitalizados por influenza em todo o país, com 205 mortes.

"Por conta do baixo alcance da meta nesses grupos prioritários, nós, em acordo com os Estados e Municípios, estamos prorrogando a campanha, de 5 para 30 de junho. É mais uma oportunidade para que os públicos de todas as fases, que ainda não se vacinaram, possam procurar de forma organizada as unidades de saúde”, explica o secretário substituto de Vigilância em Saúde do MS, Eduardo Macário.

Leia também: Terceira fase da Campanha Nacional de Vacinação contra gripe começa hoje

Da Agência CNM de Notícias, com informações do Ministério da Saúde 


Notícias relacionadas