Home / Comunicação / Reunião dos ministros de trabalho e emprego dos Brics ocorre na sede da CNM

Notícias

19/09/2019

Compartilhe esta notícia:

Reunião dos ministros de trabalho e emprego dos Brics ocorre na sede da CNM

Marco Melo /Ag. CNMA sede da Confederação Nacional de Municípios (CNM) foi palco para a reunião dos ministros de trabalho e emprego do grupo econômico formado pelo Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul (Brics) nesta quinta-feira, 19 de setembro. O tesoureiro da Confederação, Jair Souto – que é prefeito de Manaquiri (AM) – fez as honras da casa e destacou a importância da entidade na representação dos Entes municipais.

Para Souto, o debate em torno da geração de emprego e renda diante dos desafios atuais e das efetivas mudanças do mercado de trabalho é fundamental para as cidades do Brasil e do mundo. “Vamos discutir as políticas aqui, entendendo a complexidade que é gerir grandes e pequenas cidades, gerir povos que mais precisam de ajuda para o desenvolvimento”, alertou.

O tesoureiro da entidade afirmou: “de fato, queremos uma sociedade que vive em paz social, que partilha o desenvolvimento econômico, que oportuniza as condições de vida digna através do trabalho, que melhora o ambiente de negócios e o ambiente produtivo”. Tais perspectivas, segundo Souto, devem ser promovidas sem impor à sociedade uma redução, irresponsável, dos postos de trabalho.

Planejamento 
“Não podemos perder competitividade, em nível mundial, mas também não é prudente fazer a inserção de novas tecnologias sem a preparação da sociedade, sem pensar para onde direcionar a mão de obra obsoleta pelas novas tecnologias. Isso se faz com planejamento e educação. É o papel de todos nós, governos, empregadores e profissionais”, disse o prefeito de Manaquiri.

Para Souto, não há desenvolvimento sustentável quando o crescimento econômico gera exclusão produtiva e, em consequência disso, exclusão social. Além dos representantes internacionais, a reunião contou com a presença do secretário Especial de Previdência Social, Rogério Marinho; do secretário de Trabalho do Ministério da Economia, Bruno Dalcolmo; e do deputado Evair de Melo (PP–ES). Eles fizeram parte da mesa de abertura da reunião.

Marco Melo/Ag. CNMCorporativismo
Ao saudar os presentes em nome do poder Legislativo, o deputado Evair de Melo destacou o fortalecimento do corporativismo como mecanismo de geração de emprego e renda. “O Parlamento tem a clara noção de sua reponsabilidade e do papel que tem que fazer para superarmos as nossas dificuldades”, disse o deputado, ao destacar a emancipação das pessoas pela renda, a partir de políticas estruturantes e de investimentos em educação, dentre esses desafios.

Em nome da Frente Parlamentar Agropecuária e do governo brasileiro, os participantes da reunião foram homenageados com amostra do café nacional. Já o secretário especial de Previdência Social afirmou: “o que nos aproxima são os desafios de vencer, com justiça, igualdade, capacidade e resiliência, a modernidade que está chegando”. Ao fazer menção à fala do representante da CNM, o representante do governo reforçou que a massa trabalhadora está despreparada, desqualificada para o avanço da tecnologia na velocidade em que se apresenta, inclusive dos aplicativos.

Normas
“O trabalho na forma como conhecemos está ficando obsoleto. As pessoas estão cada vez mais praticando o home office, o trabalho de casa, e as jornadas de trabalho estão ficando flexíveis. É preciso se adaptar a um novo tempo, que está surgindo, que a tecnologia precisa ser customizada e absorvida pelos países e pelas normas sobre pena e risco de nos engolir como povo, como nação, como sociedade ou como humanidade”.

Segundo ele, o novo mercado de trabalho é um desafio para todos os países do mundo, em especial para esse contingente de nações que representam uma parte substancial da população mundial. Rogério Marinho também apontou as inovações tecnológicas e impacto delas nos perfis demográficos dos países e na relação trabalhista e previdenciária. 

Leia também: CNM participa de reunião sobre emprego do Brics na sede da entidade

Por Raquel Montalvão
Fotos: Marco Melo/Ag. CNM
Da Agência CNM de Notícias


Notícias relacionadas