Home / Comunicação / Seminário sobre Educação, em Brasília, conta com a presença da CNM

Notícias

20/09/2018

Compartilhe esta notícia:

Seminário sobre Educação, em Brasília, conta com a presença da CNM

Ag. CNMO Seminário O que funciona em educação? Inovação e uso de evidências em políticas educacionais ocorre nesta quinta-feira, 20 de setembro, no auditório da Escola Nacional de Administração Pública (Enap), em Brasília. O evento é direcionado, principalmente, a gestores municipais e estaduais e propõe debater evidências e inovação na melhoria da educação brasileira. A Confederação Nacional de Munícipios (CNM) foi convidada para o evento, e participa das atividades.

A técnica de Educação da Confederação, Mônica Cardoso, representa a entidade. Ela destaca que, até agora, o ápice do evento foi a colocação do uso de evidências em políticas educacionais. “Elas mostram a importância desse mecanismo, uma vez que, à medida que as evidências avançam é possível obter melhores e consensuais decisões educacionais”, explica a técnica. Ela reforça ainda que os Municípios conhecem bem a realidade, mas para obter mais avanço é necessário promove um conjunto e ações.

Dentre essas medidas a serem adotadas para promover inovação e melhoria na educação nacional, Mônica aponta para o espaço de diálogo, para ouvir os Entes municipais, que estão na ponta, no dia a dia, e diretamente ligados aos problemas e aos desafios. “Na maioria das vezes, os Municípios conhecem bem as evidências”, defende a técnica da CNM. Vale destaca o conceito de evidência, que representa aquilo que não dá margem à dúvida, e que significar a probabilidade e a existência de algo.

Ainda na parte da manhã, a programação prevê debate sobre Como Estados e Municípios Estão Utilizando Evidencias na Educação? Dentre os destaques do painel, projeto de São Bento do Una (PE) será apresentado como experiencia de sucesso. Ag. CNM

Atividades
Promovido pelo Ministério da Educação (MEC), o evento também busca incentivar a produção de conhecimento em linguagem acessível ao gestor público. O encontro marcará o início das atividades da Assessoria Estratégica de Evidências do governo, criada em julho, para promover o uso apropriado das evidências e fomentar a cultura de inovação para melhorar a qualidade das políticas educacionais brasileiras.

Além da CNM, o seminário também conta com a participação do ministro da Educação, Rossieli Soares, e de especialistas como o economista-chefe do Instituto Ayrton Senna, Ricardo Paes de Barros, além de representantes de Secretarias de educação diferentes estados brasileiros e da representante do Laboratório de Inovação (MineduLab) do Ministério de Educação Peruano, Annie Chumpitaz Torres.

Da Agência CNM de Notícias, com informações do MEC
Foto: Ag. CNM


Notícias relacionadas