Home / Comunicação / CNM acompanha Municípios afetados pelas chuvas em Mato Grosso do Sul

Notícias

23/02/2018

Compartilhe esta notícia:

CNM acompanha Municípios afetados pelas chuvas em Mato Grosso do Sul

Os Municípios de Mato Grosso do Sul sofrem com as chuvas de verão que castigam várias regiões do Estado. Os estragos decorrentes de vendavais, enxurradas e alagamentos fizeram com que 22 das 79 cidades sul-mato-grossenses decretassem Situação de Emergência até esta sexta-feira, 23 de fevereiro. O número ainda pode aumentar. A Confederação Nacional de Municípios (CNM) acompanha de perto a situação das cidades afetadas.

O número de cidades que decretaram Situação de Emergência, até o momento, corresponde a 27,84% dos Municípios do Estado. De acordo com a Defesa Civil Estadual, aproximadamente 76 mil pessoas foram afetadas. As tempestades em Mato Grosso do Sul têm sido constantes no Estado desde o final do ano passado. No início desta semana, as chuvas provocaram o transbordamento de córregos e rios, inundações de casas e a destruição de pontes.

Com isso, estradas urbanas e rurais ficaram intransitáveis e várias famílias desalojadas. As cidades de Aquidauana e Bonito estão entre as mais afetadas dos últimos dias. Decretaram Situação de Emergência os Municípios de: Amambai, Antônio João, Bataguassu, Batayporã, Brasilândia, Bela Vista, Caracol, Coronel Sapucaia, Coxim, Deodápolis, Eldorado, Iguatemi, Itaquiraí, Japorã, Miranda, Mundo Novo, Novo Horizonte do Sul, Porto Murtinho, Rio Verde de Mato Grosso, Santa Rita do Pardo, Sete Quedas e Tacuru.

Com informações do G1 e da Assomasul


Notícias relacionadas