Home / Comunicação / Maior queda-d’água do Goiás, Cachoeira do Label está aberta à visitação

Notícias

27/02/2018

Compartilhe esta notícia:

Maior queda-d’água do Goiás, Cachoeira do Label está aberta à visitação

Queda-d’água cristalina, contato direto com a natureza e beleza natural de encher os olhos. As cachoeiras brasileiras, principalmente as localizadas no planalto central, são atrações turísticas e, se exploradas de forma sustentável, podem se tornar alternativas para o desenvolvimento local. No Goiás, a Cachoeira do Label tem ganhado visibilidade por ser considerada a maior do Estado e estar entre as seis maiores do país.

Com cerca de 187 metros de altura, ela superou a marca até então mantida por Salto do Itiquira, que tem 19 metros de altura. Localizada em São João d’Aliança (GO), na região da Chapada dos Veadeiros, a cachoeira fica na Reserva Bellatrix, que é uma área Particular do Patrimônio Natural (RPPN) localizada a 25km do Município. Apesar de ser visitada por moradores da região desde a década de 1980, a abertura ao público só ocorreu em janeiro deste ano. A área – onde se encontra a cachoeira – foi comprada em 2016 e transformada em uma reserva.

Nos últimos dois anos, a área ganhou trilha, sinalização, restaurante e espaço para camping, exatamente para atrair turistas. Com as melhorias promovidas pelos proprietários da fazenda, a caminhada de 200 metros para o acesso à cachoeira ficou menos difícil. No entanto, o trecho não é recomendado para turistas com dificuldades de locomoção. De acordo com um dos donos, Marcello Clacino, ainda serão instalados equipamentos para segurança do turismo de aventura, além de ser feito o levantamento de espécies nativas e vegetais úteis e o reflorestamento da margem do rio.

Trabalho
“Esta área fazia parte dos atrativos da Chapada dos Veadeiros, mas era meio abandonada. Nosso trabalho é para promover o turismo sustentável e a preservação da área”, comentou Clacino. Além de permitir que mais pessoas visitem a cachoeira, a abertura deve contribuir com a economia do Município. O secretário de Turismo de São João d’Aliança, Geraldo Bertelli, destaca a prefeitura pretende despertar nas pessoas a vontade de abrir pousadas, hotéis. “Está difícil, mas, aos poucos, vamos resolvendo isso”, pontuou.

A riqueza da biodiversidade, reservas de água doce, litoral extenso e florestas preservadas, deram ao Brasil o título emitido pelo Fórum Econômico Mundial como número um em recursos naturais entre os 136 países analisados. As belezas naturais, associadas ao lazer, atraem tanto turistas estrangeiros como brasileiros interessados em conhecer cada vez mais o Brasil.

Cenário
Diante desse cenário, a Área Técnica de Turismo da Confederação Nacional de Municípios (CNM) destaca que o Cachoeira do Label está no rumo certo, pois o turismo sustentável ecológico é a nova tendência mundial
e está em alta na preferência do turista estrangeiro. “O turismo doméstico também é beneficiado pois o brasileiro já tem o hábito de aproveitar as belezas naturais da nossa terra”, alerta a técnica da entidade Marta Feitosa.

A CNM tem na pauta de trabalho da Área de Turismo, a Rede Cidades Históricas e Patrimônio Natural e Cultural, acompanhe os eventos e notícias no site: cidadeshistoricas.cnm.org.br.

 

Com informações do Correio Braziliense


Notícias relacionadas