Home / Comunicação / Parcerias para o desenvolvimento do Turismo são exaltadas em abertura de eventos em Foz do Iguaçu (PR)

Notícias

27/11/2017

Compartilhe esta notícia:

Parcerias para o desenvolvimento do Turismo são exaltadas em abertura de eventos em Foz do Iguaçu (PR)

27112017 DialogosFozFoz do Iguaçu (PR) será a casa das discussões do Turismo e de debates da pauta municipalista nesta semana. O Município sedia a partir desta segunda-feira, 27 de novembro, o Diálogo Municipalista e o IV Encontro Brasileiro das Cidades Históricas, Turísticas e Patrimônio Mundial. A cerimônia de abertura foi conduzida pelo segundo vice-presidente da Confederação Nacional de Municípios (CNM) e presidente da Associação dos Municípios Paranaenses (AMP), Marcel Micheletto.

Micheletto deu boas–vindas aos participantes e destacou a importância de os gestores e autoridades terem consciência da capacidade de desenvolvimento dos Municípios por meio do Turismo. “Nós temos uma parte turística e histórica relevantes e muitas vezes não utilizamos essa sistemática para potencializar os nossos Municípios e esse evento é uma oportunidade interessante para isso. Nós precisamos evoluir nesse sentido”, considerou.

A governança também foi outro ponto principal defendido pelo vice-presidente da CNM. Ele elogiou o trabalho feito pelo Tribunal de Contas da União (TCU) sobre esse tema e pediu a participação efetiva dos gestores. “Precisamos ser mais criativos, utilizar os recursos públicos com mais eficiência e fomentar a nossa economia em áreas como o Turismo”, disse. Nesse contexto, o presidente da AMP ressaltou a realização dos eventos em Foz do Iguaçu. “É muito importante esse debate da questão turística. Tem muitos Municípios no país que podem se utilizar dos recursos naturais e históricos em vários segmentos e desenvolver projetos que possam estimular a economia, bem como gerar emprego e renda nas cidades”, destacou.

Turismo como alternativa
Anfitrião dos eventos, o prefeito de Foz do Iguaçu, Chico Brasileiro, demonstrou gratidão pela sua cidade sediar o Diálogo Municipalista e o IV Encontro Brasileiro das Cidades Históricas, Turísticas e Patrimônio Mundial. “A CNM vem cumprindo preponderante para o desenvolvimento dos Municípios e o Turismo das Cidades Históricas é um tema fundamental para os nossos Municípios. Essa pauta que a entidade traz aqui vai propiciar o desenvolvimento do nosso Produto Interno Bruto porque já tem exemplos de que o Turismo salvou outras nações da crise econômica como Portugal, a Espanha e a Grécia”, exemplificou.

Parcerias
Em sua participação, o presidente da Organização Brasileira das Cidades Patrimônio Mundial (OCBPM) e consultor da CNM, Mário Nascimento, agradeceu as parcerias firmadas por entidades e instituições que tem acreditado no papel do Turismo como forma de expansão do desenvolvimento dos Municípios.

Ele ainda reiterou que ações como a realização dos eventos em Foz do Iguaçu são fundamentais para o desenvolvimento sustentável do Turismo e também da Cultura. “Temos que avançar e pensar em estratégias para o futuro. Além disso, devemos otimizar recursos, direcionar investimentos e divulgar essas cidades para alavancar o potencial do nosso País no Turismo”, defendeu.

O diretor de articulação do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan), Marcelo Brito, também destacou que as parcerias devem ser constantes entre os Entes federados e instituições como forma de gerar riquezas nas cidades. “Nós acreditamos nessa articulação e na construção de estratégia que possa colocar o Patrimônio como um recurso para a atividade turística. É necessário construir um diálogo inteligente nessas parcerias”, afirmou.

Por sua vez, o coordenador de Turismo do Sebrae, Aldo Carvalho, chamou a atenção para o planejamento estratégicos e a qualificação na oferta de serviços turísticos nos Municípios. “Entendemos que além de empresas competitivas atuantes na atividade do Turismo precisamos de um ambiente competitivo. É dessa maneira que o Sebrae pode contribuir com os Municípios”, explicou.

Hino Nacional
27112017 DialogosFoz02A cerimônia de abertura ainda teve como ponto marcante o hino nacional brasileiro. A campeã mundial de acordeão diatônico, Maryanne Francescon, fez a execução com um instrumento chamado gaita ponto e arrancou aplausos calorosos dos participantes. A artista encerrou a cerimônia de abertura tocando músicas da cultura da Região Sul. Também participaram da Mesa de abertura o representante do Ministério do Turismo, Alberto Alves, e do governo do Paraná, Felipe Maron.

O 4º Encontro Brasileiro das Cidades Históricas Turística e Patrimônio Mundial é promovido pela CNM em parceria com a Organização das Cidades Brasileiras Patrimônio Mundial (OCBPM) e conta com o apoio institucional da prefeitura de Foz do Iguaçu e com apoio financeiro da Caixa Econômica Federal, da Editora Positivo, do Sistema de Ensino Aprende Brasil, da Itaipu Binacional e governo federal. Além disso, conta com o apoio institucional do Serviço Brasileiro de Apoio às Micro e Pequenas Empresas (Sebrae), da Associação dos Municípios do Paraná (AMP) e da Federação Brasileira de Hospedagem e Alimentação (FBHA). 


Notícias relacionadas