Home / Comunicação / Prêmio ODS Brasil é lançado durante Seminário em Brasília

Notícias

04/05/2018

Compartilhe esta notícia:

Prêmio ODS Brasil é lançado durante Seminário em Brasília

A sede da Confederação Nacional de Municípios (CNM) foi palco do lançamento da primeira edição do Prêmio Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (Prêmio ODS Brasil). O lançamento aconteceu durante seminário sobre o tema nesta sexta-feira, 4 de maio.

O Prêmio ODS Brasil é uma iniciativa do Governo Federal e será concedido bienalmente, até 2030 e vai premiar práticas alinhadas aos ODS, em vigor, que tenham gerado ações transformadoras no contexto do território onde estão inseridas.

Representando a CNM, integrou a mesa do Seminário, o presidente da Associação Municipalista de Pernambuco (Amupe), José Patriota, que também representa os Municípios e a CNM no Comissão Nacional dos ODS. "A agenda 2030 faz algo que a gente nunca vê que é colocar os instrumentos em função do ser humano. Nada justifica se não for pelo bem estar da humanidade, de uma vida justa e mais igual para os seres humanos", completa.

Os Objetivos de Desenvolvimentos Sustentável integram a Agenda 2030, que tem como objetivo elevar o desenvolvimento do mundo e melhorar a qualidade de vida de todas as pessoas. A Agenda foi adotada pelos países membros das Nações Unidas, em 2015. O diretor de país do Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud), Didier Trebucq, ressaltou a importância da participação dos Municípios. “Acho que o lançamento do Prêmio ODS é muito importante para reforçar a apropriação dessa agenda a nível local, pelos estados e pelos Municípios, em particular. Disseminar essas boas práticas também é fundamental”, finaliza.

Ag CNM

O representante da subchefia de assuntos federativos da presidência da República, coronel José Wilson, ressaltou a importância dos ODS para o Brasil. “Entendemos que ao se buscar conseguir atingir os ODS, buscamos um Brasil mais justo e melhor. E é nos Municípios onde temos a atuação mais presente, mais forte e é onde, certamente, os prefeitos, gestores municipais e componentes da sociedade vão buscar esse Prêmio que hoje é lançado”, afirma.

Os ODS e a CNM
Durante o Seminário de lançamento do Prêmio, as ações da CNM na aplicação e divulgação dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentáveis nos Municípios foram apresentadas. A colaboradora da área internacional da CNM, Isabella Santos, apresentou as ações promovidas pela CNM para na localização dos ODS nos Municípios. “Nós buscamos sensibilizar os gestores locais sobre a importância da implementação dos Objetivos nos Municípios para alcançar as metas da Agenda 2030. Entre as ações, criamos a Mandala ODS, uma ferramenta online que mostra indicadores municipais que tem uma periodicidade de até 2 anos, para que o gestor consiga acompanhar as ações dele durante seu mandato”, cita.

Sobre o Prêmio ODS Brasil
As inscrições para o Prêmio ODS Brasil estarão abertas a partir da próxima segunda-feira, 7 de maio e vão até o dia 29 de junho. Poderão ser inscritas práticas desenvolvidas por Governos estaduais, municipais e do Distrito Federal, organizações da sociedade civil com fins lucrativos e sem fins lucrativos, instituições de ensino, pesquisa e extensão públicas ou privadas, com CNPJ ativo, com foco na implementação de um ou mais ODS.

De acordo com o Secretário Nacional de Articulação Social e secretário-executivo da Comissão Nacional para os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (CNODS), Henrique Villa, o Prêmio leva em consideração três vertentes. “A primeira é incentivar, valorizar e dar visibilidade às práticas desenvolvidas pelos governos estaduais, municipais e Distrito Federal e pela sociedade civil que contribuam para o alcance dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável no território brasileiro. Em seguida, visa contribuir para a formação de um "banco de práticas" que servirá de referência para a implementação e a disseminação da Agenda 2030. E por fim, estimular o envolvimento dos diversos segmentos da sociedade, de governo e das instituições de ensino, pesquisa e extensão para o fomento de práticas que contribuam para as dimensões da Agenda 2030”, finaliza.

Cada instituição poderá inscrever no máximo três práticas, cada uma em inscrição separada. Para saber mais sobre o Prêmio ODS Brasil, basta acessar o portal: www.odsbrasil.gov.br

Confira aqui a publicação sobre o Prêmio ODS Brasil 2018 no Diário Oficial da União.


Notícias relacionadas