Home / Informe

Desafio + Brasil


Banner Desafiobrasil

 

Baixe o seu certificado aqui.


Você sabe como que recursos e boa ideias se transformam em um BRASIL MAIS Íntegro, Inovador, Simples, Efetivo, Integrado e Transparente?

Boa parte disso pode ser alcançado se encontramos soluções para que as transferências de recursos sejam otimizadas.

Você sabe o que são transferências de recursos? É um termo usado no meio público que se refere a um conjunto de leis, sistemas, instituições e atores que fazem com que o dinheiro público se transforme em benefícios concretos para sociedade. É a forma como a sociedade recebe obras, serviços e todo tipo de melhoria.

A transferência de recursos possui etapas que podem ser explicadas de forma simples da seguinte forma:

1. Planejamento

Tudo começa com um planejamento! A lei direciona como deve ser feito esse planejamento, quais são as regras: projetos, documentos necessários, instituições envolvidas.

2. Execução

Chega a hora de fazer acontecer! Nesse momento os repasses são aprovados pelas instituições de execução (Ministérios) e realizados por meio de uma instituição financeira (caixa Econômica Federal). Controle e verificação são elementos permanentes dessa etapa.

3. Prestação de contas

Esse é o momento em que as instituições e atores que utilizaram o dinheiro público e concretizaram melhorias para sociedade precisam formalizar o que foi realizado detalhadamente.


É um fato que essas três etapas possuem muitos obstáculos, dificuldades que precisam de ajustes e novas ideias de otimização. Precisamos que todos os brasileiros (envolvidos nas transferências públicas ou não) possam acompanhar como o dinheiro público é utilizado e de forma mais eficiente do planejamento, passando pela a execução e até a entrega na forma de melhorias para a sociedade. Queremos transparência e resolutividade de ponta a ponta.


Aqui está o nosso desafio!


O que é o Desafio + Brasil?

Vamos juntar nossos conhecimentos e nosso orgulho de ser brasileiro! Amantes de suas vocações: tecnologia, gestores municipais, administradores, técnicos das mais diversas transferências, designers, executivos, parlamentares… cidadãos comuns, mas com vontade de INOVAÇÃO.

Unidos por um objetivo: compartilhar os obstáculos que trazem problemas na transferência de recursos no Brasil para que, juntos, possamos transformar o entendimento dos obstáculos e as ideias de cada um em soluções.

Quem pode participar do desafio?

 

Os participantes do Desafio + Brasil podem pertencer a um dos três perfis:


1. Mentores - brasileiros envolvidos na organização oficial do evento. Entendem de transferências públicas e atuarão como facilitadores no nosso desafio, repassando conhecimento e orientando maratonistas e anjos.


2. Anjos - brasileiros que são atores nas transferências de recursos e estão prontos para INOVAÇÃO. Vontade de fazer diferente é o sobrenome desses membros da esfera pública. São eles: profissionais de Tecnologia da Informação, da área jurídica, do controle (TCU e CGU), prefeitos, parlamentares, secretários municipais, convênios (MROSC e PAC), da CNM, do Ministério da Economia (DETRV), do SERPRO, STN, entre outros membros que participam de alguma forma da transferência de recursos.


3. Maratonistas - brasileiros que estão com vontade de fazer parte de transformações concretas no nosso país sem precisar ser um especialista no assunto transferências de recursos. Profissionais e estudantes de TI, de Design e de Administração que queriam aprender mais sobre assunto e compartilhar os seus conhecimentos sobre suas áreas, criando soluções.


Como será o desafio?

O evento acontecerá das 8h30 do dia 21 de fevereiro às 17h do dia 22 de fevereiro. Isso mesmo! Teremos 34 horas e 30 minutos ininterruptas de evento, incluindo 19h de maratona. Uau!


Nossos anjos têm por missão no evento passar suas realidade enquanto atores das transferências públicas no Brasil. Nossos maratonistas agarram a missão de se superar com ideias inovadoras e coerentes com essas realidades. Contudo! Nada impede que os anjos vistam a camisa dessa maratona e se juntem ao time de maratonistas.

 

Mentores


- Debora Arôxa, com 18 anos de experiência na área de gestão de equipes, é diretora do Departamento de Transferências Voluntárias do Ministério do Planejamento. É mestranda em Administração do Desenvolvimento de Negócios e professora de Governança no curso de pós-graduação em Gestão de Processos de Negócio;

- Kamila Brito, empreendedora do Barco Hacker, projeto que promove o intercâmbio cultural e técnico com a população ribeirinha da região de Belém (PA);

- Alline Jajah, palestrante internacional e especialista em Estratégias de Marketing com foco digital, que fez duas imersões no Vale do Silício e estudou Internacionalização de Empresas via ferramentas de busca em Boston;


- Cristiane Pereira, coordenadora do Alpha Parque Tecnológico e idealizadora do Espaço Multiplicidade Escritório Colaborativo;

Gino Terentim Junior, Consultor de Organização e Estratégia da Caixa Econômica Federal, doutorando pela Université de Bordeaux, com MBE em Economia Brasileira e MBA em Gerenciamento de Projetos pela USP;

- Wesley Almeida, que trabalha com tecnologia desde o início dos anos 1990; implantou um dos primeiros provedores de internet de Brasília e tem longa experiência com projetos de inovação tecnológica para grandes empresas corporativas;

 

08022019 Mulheres Desafio Brasil

 


- Bruno Sayão,  especializado em finanças e tecnologia, fundador e CEO da IOUU, uma empresa fintech criada em 2016 com o objetivo de reinventar os serviços financeiros tradicionais. Possui 12 anos de experiência comercial em companhias de tecnologia, incluindo vendas e marketing.

 

bruno sayao

 


- Jorge Maia, cientista da computação, especializado em Internet das Coisas, consultor de negócios digitais com mais de 20 anos de experiência no mercado de tecnologia e palestrante;

 

Mentor Jorge Maia foto


- Marli Burato, com 14 anos de experiência e atuação na área de transferências de recursos da União aos Municípios, é sócia fundadora e diretora da Empresa Êxitos Eficiência em Informação e Tecnologia. É Mestre em Sociologia Política pela Universidade Federal de Santa Catarina. image 2

 


- Alexandre Nasiasene, idealizador do Espaço Multiplicidade Escritório Colaborativo, formado em Administração de Empresas com MBA em Gestão de Projetos Foco PMI, vinte e quatro anos de experiência profissional na área de planejamento e controle de projetos.

 

08022019 Mentor alexandre foto 600 px desafio brasil


- Wesley Rocha Quirino


Mentor Wesley.jpg



Confira a programação e a dinâmica do evento! 

Data: 21 e 22 de fevereiro de 2019.

Local: Confederação Nacional dos Municípios, St. de Grandes Áreas Norte Quadra 601 Módulo N - Brasília, DF, 70830-010 – Brasília-DF.

21/02/2019 (quinta-feira)

 Horário  Programação
8h30
Credenciamento

9h

  Abertura

Presidente da CNM,
Casa Civil,
Ministro da Justiça e Segurança Pública,
Ministro da Controladoria Geral da União,
Ministro-Substituto da Tribunal de Contas da União;
Ministro do Tribunal de Contas da União,
SEGOV,
Secretário Especial de Desburocratização, Gestão e Governo Digital,
Secretário de Gestão,
Diretora do Departamento de Transferências Voluntárias,
Diretor do Departamento de Investimentos FNS.

10h
Coffee break

Mesa 1:

10h15min

a

11h15min


Mesa 2:

11h15min

a

12h30min

  Mesa de Anjos e Especialistas (será realizada em duas etapas)

  Mesa redonda simultânea para debater os gargalos nas transferências, nos diversos olhares, com condução de mediador;

Grupo de técnicos de diversas áreas do governo participarão de reflexões e discussões que serão conduzidas por perguntas iniciais e facilitadas por mentores. Ao final, das mesas, anjos devem realizar uma votação sobre os principais obstáculos para que a entrega de política pública seja mais eficiente, simplificada e unificada no Brasil. Objetivo: fornecer espaço para diálogo construtivo de diferentes atores envolvidos nas transferências de recursos. A oportunidade perfeita para que os nossos maratonistas aprendam com profundidade com aqueles que colocam a mão na massa no dia a dia.

A(as) mesa(s) contará com os representantes das seguintes áreas:

Mesa de Anjos 1: O debate será construído por Ministros e Secretários Especiais dialogando sobre os obstáculos na entrega de política pública no Brasil.

Mesa de Anjos 2: o debate será construído por Prefeitos, Diretores, Coordenadores, Secretários locais e especialistas técnicos dialogando sobre os obstáculos na entrega de política pública no Brasil.

 Participantes:

Tecnologia da Informação;
Área jurídica;
Controle: TCU e CGU;
Prefeito e/ou Secretário municipal;
Representante de – fundo a fundo, convênio, PAC;
CNM;
Ministério da Economia (DETRV);
SERPRO;
CNMP.

   Questões Orientadoras:

Quais foram os obstáculos percebidos pela instituição na execução da política pública?

Qual a solução que está sendo implementada?

Quais os benefícios da solução construída para tornar a entrega de obras, bens e serviços +Transparente, +Simplificada, +integrada?

12h30min
Intervalo almoço

14h


 Oficinas/World Café*

 Maratonistas participarão de um super treinamento sobre as transferências de recursos. É hora de se tornar expert no assunto e aproveitar cada segundo com os especialistas em um momento mais profundo. Serão 30 minutos para mergulhar em cada um dos seguintes temas: Obras, Serviços, Equipamentos e Cases de TI. Esses 30 minutos serão divididos entre as explicações condensadas dos mentores e perguntas dos maratonistas. Esse é o último momento antes de produzir ideias! Por isso, aproveite cada instante dessas informações essenciais.

14h30min  Oficina: Obras  Oficina: Serviços  Oficina: Equipamento  Oficina: Cases TI

 Principais desafios para a
execução de uma obra: abordar Atos preparatórios, execução e Prestação de Contas.

 Principais desafios para a
execução de um serviço: abordar Atos preparatórios, execução e Prestação de Contas.

 Principais desafios para a execução de um equipamentoabordar Atos preparatórios, execução e Prestação de Contas. 

 Apresentação de cases: SICONV; App Siconv Cidadão, Plataforma
Mais Brasil.

16h30
Cofee break

 17h

  Produção de ideias

Os maratonistas terão 40 minutos para assimilar todo o conteúdo aprendido, avaliar os obstáculos mais votados e INOVAR! Essa é a hora de simplesmente utilizar aquilo que de melhor você tem para permitir que as soluções para nosso país possam nascer. Essas ideia pode ser feita individualmente ou em grupo, a depender da escolha pessoal de cada maratonista.

 17h30min

  Apresentação dos pitchs*

Participantes apresentam ideias.

 18h15

  Votação

 Maratonistas apresentarão suas ideias para os demais participantes do evento no formato de um Pitch de 3 a 5 minutos.

 18h45min

  Formação dos grupos

Após a apresentação de todos, cada maratonista deve votar na ideia que mais acredita, mais se identifica e pela qual aceita o desafio de trabalhar pelas próximas 19h. E assim, os grupos de trabalho são formados.

 19h15

Start da maratona

 19h30 (21/02) às 14h30 (22/02)

19 horas de pura produção!

Grupos de maratonistas trabalharão em conjunto para construir alguma parte possível de suas ideias. Esse é o chamado MVP (Minimum Viable Product), ou seja, o produto mínimo viável. Algo concreto que permita a demonstração da viabilidade da ideia e avaliação pelos jurados.

 Madrugada 
Pizza time

 Desafio + Brasil

22/02/2019 (sexta-feira)    

 9h
Café da manhã   

10h

 "Tira dúvidas"

Alguns anjos que tenham por objetivo realmente contribuir compartilhando seu conhecimento, estarão à disposição online e/ou presencialmente para tirar as dúvidas que os maratonistas possam ter sobre a realidade do tema do desafio. Esse é o momento de fazer ajustes com ajuda dos nossos especialistas.

13h às 14h30 Almoço
 14h30min

 Intervalo de preparação para apresentações

Maratonistas terão 15 minutos para finalizar suas soluções e estarem completamente prontos para o tão esperado momento: a apresentação das soluções.  

 14h45min

Apresentação dos pitchs* e julgamento pela banca avaliadora

Grupos apresentarão em pitchs*, de 3 a 5 minutos, as soluções criadas para os jurados e o público presente. Deve ficar claro:

Quais foram os obstáculos percebidos?
Qual a solução?
Quais os benefícios da solução construída?

 Julgamento pela banca avaliadora

Jurados avaliarão as soluções apresentadas pelos Maratonistas

16hmin
Cofee break  
 
16h15min   Avaliação por banca das soluções apresentadas e preparo para divulgação dos resultados.   
 16h30min   Premiação e fechamento.   

*World Café– processo flexível para geração de diálogos colaborativos entre indivíduos.

*Pitch – apresentação sumária de 3 a 5 minutos de ideias.

*Banca avaliadora composta por jurados de referência na área.

 

Lembretes

Os participantes devem trazer seus computadores, assim como um cadeado, pois a CNM irá fornecer escaninhos para guarda de pertences dos participantes.

 


botao quero participar.1

orge Maia, cientista da computação, especializado em Internet das Coisas, consultor de negócios digitais com mais de 20 anos de experiência no mercado de tecnologia e palestrante;