Utilizamos cookies e tecnologia para aprimorar sua experiência de navegação de acordo com a política de privacidade e política de cookies.

Home / Informe

Municípios Doadores

Municípios Doadores

 

A Confederação Nacional de Municípios (CNM), preocupada com as dificuldades e as oscilações que os bancos de sangue públicos vivem em todo país, decidiu desenvolver o projeto “Rede de Municípios Doadores”, como uma estratégia piloto que tem como objetivo geral contribuir para o aumento das doações de sangue no país por meio de um processo de comunicação e interação entre hemocentros, gestores(as) municipais e doadores(as).

A promoção da conexão desses três públicos-alvo (hemocentros, prefeituras e doadores), por meio de uma plataforma online e de um aplicativo para celular, contribuirá para o estabelecimento de um fluxo mais eficaz de divulgação e atendimento de demandas por sangue, pois as prefeituras acompanharão diretamente os alertas de baixo estoque emitidos pelos Hemocentros e Unidades de Coleta públicas e poderão auxiliar no transporte dos doadores do seus respectivos Municípios para as cidades onde poderão efetuar as doações.

Com essa iniciativa, a CNM quer caminhar conjuntamente com os(as) prefeitos(as), primeiras damas e gestores(as) municipais de saúde em busca de uma ação coordenada para incentivar a doação de sangue no Brasil. É muito importante mobilizar as autoridades locais para que assumam esse compromisso de incentivar a doação de sangue, se aproximando mais dos hemocentros públicos e da população.

Essa ação concreta do Movimento Municipalista buscará atuar como um motor de transformação na realidade da falta de sangue para quem precisa.

As dimensões sociais e de saúde ao se doar sangue representam a tomada de consciência de uma sociedade que tem por obrigação saber e atender à demanda por transfusão de uma forma universal. A consciência quanto à doação de sangue não deve ser associada apenas a um ato de solidariedade, mas sim a um ato de cidadania e de responsabilidade social.

O volume de 450 ml de sangue armazenado em cada bolsa pode salvar até quatro vidas e ainda levar esperança a pacientes que dependem das transfusões para viver. Vale ressaltar que a doação de sangue dura cerca de uma hora e não traz riscos à saúde.

Site para mais informações: http://www.doadores.cnm.org.br/